Amazonas é o único do Norte sem oferecer vagas em nova edição do Sisu

Os candidatos do Estado interessados em ingressar no ensino superior, pelo programa, terão que optar por universidades em outros Estados. Inscrições encerram nesta sexta

Gisele Rodrigues / redacao@diarioam.com.br

Manaus – O Amazonas é o único Estado da Região Norte a não oferecer vagas no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), no segundo semestre deste ano. Os candidatos do Estado interessados em ingressar no ensino superior, pelo programa, terão que optar por universidades em outros Estados e podem se inscrever até a próxima sexta-feira (15), conforme informou o Ministério da Educação (MEC).

Ufam já preencheu todas as vagas dos cursos que começam no segundo semestre (Foto: Divulgação/Ufam)

O Sisu abre vagas em 68 instituições do País no início e no meio do ano, com o sistema informatizado do Ministério da Educação, no qual as instituições públicas de ensino superior oferecem vagas a estudantes com base nas notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Neste segundo semestre entram faculdades que iniciam o ano letivo após o mês de junho. No site do Sisu, o candidato pode conferir os Estados e universidades com vagas disponíveis.

Na Universidade Federal do Amazonas (Ufam), as graduações de medicina e fisioterapia começam as aulas no segundo semestre. Mas, conforme a instituição, os cursos, que estão entre os mais concorridos, já preenchem as vagas no início do ano por meio dos processos seletivos adotados pela faculdade.

O Sisu, o Processo Seletivo Contínuo (PSC) e o Processo Seletivo Extramacro (PSE) preenchem as vagas no início do ano para todos os cursos da capital e interior, conforme adiantou o órgão para a REDE DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (RDC).

Além da Ufam, o Instituto Federal do Amazonas (Ifam) também não aderiu ao Sisu neste segundo semestre. Procurados pela reportagem para explicar o motivo para não participar do processo seletivo unificado do MEC, a assessoria do Ifam não foi encontrada para comentar o assunto.

Quem pode concorrer?

Os estudantes do Amazonas podem concorrer em outras universidade do País com a nota do Enem 2017. Estão excluídos automaticamente dessa disputa no ensino superior os candidatos com nota zero em redação.

Na região Norte, o Estado do Acre, Pará, Roraima e Rondônia e Amapá estão com cursos abertos para inscrição pelo Sisu, conforme o MEC.

Todo o processo de inscrição é feito exclusivamente pela internet, por meio da página eletrônica do Sisu. Ao ingressar no sistema, o candidato deverá escolher, por ordem de preferência, até duas opções de curso entre as vagas ofertadas. É possível alterar essas opções durante todo o período de inscrição, sendo considerada válida a última modificação confirmada.

Mais de 50 mil vagas

Nesta edição, serão ofertadas, ao todo, 57.271 vagas em 68 instituições. A distribuição se dá entre oito instituições públicas estaduais – um centro universitário e sete universidades –, uma faculdade pública municipal e 59 instituições públicas federais, com dois centros de educação tecnológica, 27 institutos federais de educação, ciência e tecnologia e 30 universidades.

O resultado da chamada regular está previsto para 18 de junho. Já o período de matrícula vai de 22 a 28 de junho, considerando ainda os dias, horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em seu edital próprio. Já o prazo para participar da lista de espera é de 22 a 27 de junho, sendo necessário que o candidato manifeste interesse em participar dela.