Bombeiros encontram indícios de que corpo de turista pode estar preso em fenda de cachoeira

De acordo com a corporação, a equipe realizou buscas submersas no local, e, apesar das dificuldades, conseguiu sentir um odor forte vindo de uma das fendas

Com informações da assessoria / redacao@diarioam.com.br

Manaus – No 11º dia de buscas por Michelle Moreno, 22, a equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros encontrou indícios de que o corpo da turista carioca possa estar preso em uma das fendas da Cachoeira do Santuário, onde ela caiu e desapareceu, no dia 8 deste mês.

De acordo com a corporação, a equipe realizou buscas submersas na cachoeira, localizada em Presidente Figueiredo, e, apesar das dificuldades, conseguiu sentir um odor forte vindo de uma das fendas. Ainda de acordo com os bombeiros, há possibilidade de que o corpo de Michelle possa estar preso na fenda.

Os bombeiros informaram, ainda, que realizando buscas em superfície, foi encontrado o que acreditam ser parte de um couro cabeludo humano. Para a corporação, o material pode ser da vítima, uma vez que, pelo tempo do acidente, o corpo já estaria em decomposição.

O Corpo de Bombeiros do Amazonas informou que as buscas serão retomadas, nesta sexta-feira (20).