Manaus ganha primeiro Deque Verde, instalado no Centro da cidade

O espaço, revestido de madeira de demolição, ocupa duas vagas de estacionamento regular e tem bicicletário, bancos, floreira, ambientação e paisagismo com árvores de pau pretinho medindo sete metros por 2,2m

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Com um conceito sustentável, Manaus ganhou na noite do último sábado (14), seu primeiro Deque Verde instalado na Rua Barroso, 279B, no Centro, em frente ao Casarão de Ideias. O projeto é uma iniciativa da Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), em parceria com a iniciativa privada Companhia Teatral de Ideias Ltda.

Ampliando o espaço de convivência urbana e completamente revestido de madeira de demolição, o Deque Verde da Barroso ocupa duas vagas de estacionamento regular e tem bicicletário, bancos, floreira, ambientação e paisagismo, com árvores de pau pretinho medindo sete metros por 2,2m. A iniciativa foi feita a partir do decreto 3520/2016, que criou o conceito do mobiliário urbano para Manaus.

Para o diretor-presidente do Implurb, engenheiro Claudio Guenka, o Deque Verde é um ambiente de integração e democrático. “Isso tudo nasce da consolidação do resgate cultural da nossa cidade, atendendo a orientação do prefeito Arthur Virgílio Neto e do vice-prefeito Marcos Rotta, de inserir a capital no contexto mundial. Então, após o decreto de 2016, procuramos adaptar, sugerir ideias aos comerciantes do Centro, para que houvesse interesse de maneira responsável para implantação do Deque Verde como extensão pública dos estabelecimentos”, disse Guenka.

Para o empresário João Fernandes Neto, um dos sócios do Casarão de Ideias, a parceria público-privada é mais um passo diante do movimento de retomada de ocupação do Centro de Manaus. “Viajava e via modelos de deque em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza, e imaginava uma instalação aqui. Foi quando pelo Implurb, descobri que havia o decreto e foi dado o início no processo. Para o Casarão de Ideias, abraçar esse projeto é de extrema importância”, afirmou.

Projeto

O Deque Verde é uma ampliação do passeio público, realizada por meio da implantação de uma plataforma sob a área antes destinada a estacionamento de veículos. Podem ser ocupados com mobiliários, elementos paisagísticos, equipamentos de recreação ou exercício físico, paraciclos ou ainda manifestações artísticas, resultando num espaço público de interação social.

Antes o espaço destinado a um carro, por exemplo, servirá para o convívio social para inúmeras outras pessoas, tornando o ambiente urbano mais humanizado e ainda contribuindo para uma parcela verde da cidade.

Para a Prefeitura de Manaus, incentivar a instalação dos deques verdes por particulares no meio urbano de Manaus, é uma forma de viabilizar espaços públicos para a população e ajudar a cumprir uma de suas atribuições que é a qualificação ambiental de áreas públicas, ampliando arborização e vegetação, de forma a garantir qualidade de vida à população e dar um novo cenário para a cidade de Manaus.

O deque é um instrumento criado, após sua autorização, de um termo de cooperação com prazo máximo de 3 anos, podendo ser renovado por igual período.