Morre soldado do Exército que teve 80% do corpo queimado em explosão de balsa, no AM

Familiares do soldado informaram que ele sofreu queimaduras de terceiro e quarto grau. Outro militar que também ficou ferido está internado no 28 de Agosto

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Um dos soldados que sofreram queimaduras durante a explosão em uma balsa do Exército Brasileiro, na última quinta-feira (19), no município de São Gabriel da Cachoeira (a 852 quilômetros de Manaus) morreu na noite deste sábado (21). As informações são do Comando Militar da Amazônia (CMA).

Balsa do Exército explodiu em São Gabriel da Cachoeira (Foto: Divulgação/PM)

Em nota, o CMA informou que o soldado Raphael Guedes Coelho, 19, morreu por volta das 22h05. Segundo a instituição, o militar estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto.

Conforme a nota, desde o sábado, o soldado recebia tratamento médico no hospital, que é referência para queimados. “O Exército lamenta o ocorrido e está prestando todo o apoio à família do soldado”, finaliza a nota.

Familiares do soldado informaram que ele sofreu queimaduras de terceiro e quarto grau e teve cerca de 80% do corpo queimado.

À REDE DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (RDC), o CMA informou que o outro soldado também está internado na ala de queimados do Hospital 28 de Agosto. Conforme a instituição, o militar foi desentubado.

Explosão

Conforme informações repassadas pela Polícia Militar de São Gabriel da Cachoeira, no dia do incêndio, a explosão aconteceu por volta das 11h30 da manhã de quinta-feira. Uma equipe policial ajudou a apagar o fogo.

Na ocasião, o CMA informou, também em nota, que uma balsa do 2° Batalhão Logístico de Selva, ancorada no Porto Queiroz Galvão incendiou durante o abastecimento. O fogo se alastrou e atingiu outras embarcações civis que estavam próximas.

“A Polícia do Exército (PE) foi acionada e todos os procedimentos de segurança foram adotados para mitigar os danos causados pelo acidente. Carros pipas da 2ª Brigada de Infantaria de Selva foram empregados para conter o incêndio”, informava a nota.

Raphael e outro soldado sofreram queimaduras. Os dois militares foram transportados para Manaus com o apoio de uma aeronave e internados na última sexta-feira (20).

Segundo a assessoria de comunicação do CMA, a 2ª Brigada de Infantaria de Selva instaurou procedimento administrativo para apurar danos materiais, responsabilidades e causas do acidente.

Morre soldado do exército que teve 80% do corpo queimado em explosão de balsa

Morre soldado do exército que teve 80% do corpo queimado em explosão de balsa. #d24amSaiba mais: http://d24am.com/

Posted by D24am on Sunday, July 22, 2018