Casal é preso com grandes porções de cocaína e cafeína, na Redenção

Segundo a polícia, o material foi encontrado após Ederfran, preso por uso de documento falso e falsidade ideológica, confessar que mantinha um laboratório de drogas no bairro

Jucélio Paiva / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Preso na última quarta-feira (10) por uso de documento falso e falsidade ideológica, o foragido da Justiça Ederfran Oliveira Silva, conhecido como ‘Neném’, 31, voltou a receber voz de prisão, nesta quinta-feira (11), após revelar à polícia, ainda na delegacia, que mantinha um laboratório de drogas no bairro Redenção, na zona centro-oeste da capital, conforme informações do delegado Henrique Brasil, do 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

(Foto: Divulgação/PC)

No endereço apontado pelo suspeito, no bairro Redenção, foram encontradas quatro porções grandes de cafeína e uma balança de precisão. Em seguida, o suspeito revelou que quem guardava a droga era uma mulher, também moradora da Redenção.

No endereço, uma casa na Rua Diogo Nunes de Quesada, a polícia prendeu Arlene Silva dos Santos, 28, e apreendeu duas porções grandes de pasta base de cocaína. A mulher relatou que guardava a droga para um homem, identificado por ela como ‘Manel’, que não foi localizado.

Ederfran e Arlene foram autuados pelo crime de tráfico de drogas. Segundo o delegado Henrique Brasil, Ederfran já responde a sete processos na Justiça, sendo quatro por tráfico de drogas, um dano qualificado, um incêndio criminoso e um homicídio.

Ederfran e Arlene serão encaminhados, nesta sexta-feira (12), para uma audiência de custódia, no Fórum Henoch Reis, zona sul da capital.



SIGA-NOS NAS NOSSAS REDES