Comerciante morre após ser baleada durante assalto, no Jorge Teixeira

Crime aconteceu dentro do comércio da vítima, uma loja de confecções. Ela teria reagido ao assalto. O marido da vítima também foi baleado

Stephane Simões / redacao@diarioam.com.br

Manaus – A comerciante Angélica Nery dos Santos, 35, morreu após ser baleada, na noite dessa quarta-feira (7), dentro do seu comércio, uma loja de confecções, na Avenida Tapajós, na quarta etapa do bairro Jorge Teixeira, zona leste de Manaus. A mulher teria reagido a um assalto e, na ocasião, o marido dela foi baleado.

Latrocínio ocorreu no bairro Jorge Teixeira (Foto: Sandro Pereira)

A vítima foi baleada no peito, abdômen e queixo. Ela chegou a ser levada para o Hospital e Pronto Socorro (HPS) Platão Araújo, mas não resistiu aos ferimentos. O marido dela, Sebastião dos Santos Lima, 35, foi atingido com um tiro no braço esquerdo.

Segundo relatos de moradores, dois homens, não identificados, teriam chegado ao local a pé. Após o crime, eles fugiram do local e testemunhas relatam que um carro, de características não informadas, estava dando apoio nas proximidades.

Até o momento, nenhum suspeito foi identificado. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).