Corpo de jovem é encontrado por cão da PM, após ter sido arrastado por correnteza

Policiais militares da Companhia Independente de Policiamento de Cães (CIP Cães) disseram que o corpo foi arrastado pela correnteza do igarapé, por uma área de mais de três quilômetros do local do crime

Jucélio Paiva / redacao@diarioam.com.br

Manaus – O corpo da jovem Raquel Melo de Moraes, 19, foi encontrado pela cadela policial Celi, por volta das 11h40 deste domingo (23), onde o principal suspeito, Paulo Sérgio de Oliveira, o ‘Neguinho’, 28, afirmou ter enterrado em uma cova rasa.

O corpo da jovem Raquel Melo de Moraes, 19, foi encontrado pela cadela policial Celi. (Foto: Sandro Pereira/RDC)

Policiais militares da Companhia Independente de Policiamento de Cães (CIP Cães) disseram que o corpo foi arrastado pela correnteza do igarapé, por uma área de mais de três quilômetros do local do crime.

As buscas iniciaram às 8h deste domingo, com 12 policiais da CIP Cães e a ajuda de três cães farejadores. Os policiais encontraram o corpo após Paulo Sérgio ter sido levado para o local do crime.