Homem tenta roubar lutadora de jiu-jítsu e é contido com ‘chave de braço’; veja vídeo

Caso aconteceu quando a lutadora de jiu-jítsu, Sabrina Leite, 22, abria o portão da casa da família, no bairro Jorge Teixeira, zona leste de Manaus

Jucélio Paiva / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Um homem, identificado como Magdiel da Silva Lima, 18, foi imobilizado, com golpes ‘mão de vaca’ e ‘chave de braço’, na tarde desta terça-feira (13), pela mulher a quem tentou assaltar: uma lutadora de jiu-jítsu. A ação foi filmada, na zona leste de Manaus, e o vídeo viralizou.

Magdiel apanhou após tentar assaltar a lutadora de Jiu Jitsu, Sabrina Leite, 22, no bairro Jorge Teixeira, zona leste, por volta de 13h30, segundo informou a lutadora.

Magdiel foi levado ao 14º Distrito Integrado de Polícia e vai responder por roubo tentado (Foto: Divulgação/PM)

“Foi mais no impulso mesmo, porque vi que eles não estavam armados, queriam me roubar no impulso”, disse Sabrina, acrescentando que já teve quatro celulares roubados na porta da casa onde mora.

A lutadora de jiu-jítsu disse que abria o portão da casa da família, para ir até o quarto de uma irmã, quando foi surpreendida por dois homens, em uma motocicleta, que anunciaram o assalto.

De acordo com a lutadora, Magdiel estava na carona da motocicleta e exigiu o celular. Ela decidiu reagir porque percebeu que a dupla estava sem arma.

O piloto da motocicleta fugiu sem ser identificado, mas Magdiel foi capturado, após tentar correr e ser atropelado por um carro, conduzido pelo vizinho de Sabrina, que presenciou a tentativa de assalto.

Sabrina, que estuda para ser comissária de bordo e é faixa amarela em jiu-jítsu, lembrou do perigo de reagir a assalto, mas disse que a prática na arte marcial a ajudou enfrentar e imobilizar o homem.

“Quando você tem a técnica, sabe como agir numa situação dessa de imobilização. Porque tudo isso é técnica de imobilização”, afirmou a lutadora.

O homem sofreu escoriações pelo corpo, de acordo com um tenente da Polícia Militar, que se identificou apenas como Jatahy, da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

Ele foi levado ao 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde prestou depoimento sobre o crime e foi autuado em flagrante pelo crime de roubo tentado.

Na tarde desta quarta-feira (14), o jovem deve seguir para uma audiência de custódia no Fórum Henoch Reis, zona sul de Manaus.

Matéria atualizada às 21h08 para correção de informações