Preso do semiaberto é flagrado tentando levar nove celulares a detentos do Compaj

Gelson da Silva Ribeiro foi flagrado nas redondezas do Compaj, junto com um comparsa, que conseguiu fugir, tentando entregar os aparelhos a detentos do regime fechado

Girlene Medeiros / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Cumprindo pena em regime semiaberto, Gelson da Silva Ribeiro, 23, foi preso, na tarde desta terça-feira (14), suspeito de tentar passar nove celulares para os presos do regime fechado do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), na zona rural de Manaus. Um suspeito de ser o comparsa de Gelson conseguiu fugir da polícia.

Com base em informações registradas em Boletim de Ocorrência (BO) do caso, a assessoria de imprensa da Polícia Civil (PC) informou que, às 13h20, no acesso ao Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), e próximo ao Compaj, uma viatura da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) seguia para deixar um policial militar no Compaj, quando os policiais viram dois homens, em situação suspeita, próximo à prisão.

Aparelhos seriam levados a detentos do regime fechado do Compaj (Foto:
Divulgação)

Conforme a PC, ao perceberem a viatura policial, os dois tentaram fugir, mas Gelson foi capturado. O outro homem conseguiu fugir dos policiais. A PC informou que, a policiais civis, Gelson informou que cumpria pena em regime semiaberto, mas não foi divulgada qual detenção o homem cumpria a pena.

Com Gelson, conforme a PC, foram apreendidos nove celulares e dois carregadores de celular. À PC, Gelson confessou que estava tentando passar os celulares para presos do regime fechado do Compaj. No 20º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde o caso foi registrado, Gelson assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por favorecimento real. Em seguida, conforme a PC, Gelson foi liberado para responder pelo crime em liberdade.



SIGA-NOS NAS NOSSAS REDES