Quadrilha mantém seis pessoas reféns durante assalto em sítio, na AM-010

Vítimas ficaram sob ação violenta dos criminosos durante cerca de quatro horas. Carros e objetos roubados foram avaliados em cerca de R$ 200 mil

Beatriz Gomes / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Seis pessoas foram feitas reféns por cerca de quatro horas, no último domingo (12), durante um assalto em um sítio, localizado no quilômetro 32, da AM-010. Segundo as vítimas, eles foram instruídos a não falar sobre o caso, por conta das investigações, mas decidiram quebrar o silêncio após quatro dias sem notícias.

O prejuízo estimado do assalto é de R$ 200 mil, onde foram levados dois veículos, um Siena bege e um Bora prata, celulares, televisores e artigos de vestuários.

Quadrilha fez seis pessoas reféns durante assalto (Foto: Arquivo Pessoal)

Uma das vítimas que estava na casa na hora do assalto, o pastor Denis Silva de Oliveira, contou que a ação foi muito violenta. “Eles entraram e bateram muito nas mulheres, que estão traumatizadas, não voltam mais pra lá”, disse. “Uma delas teve a boca muito ferida após baterem com a cabeça dela na cerâmica”.

Segundo Denis, eram sete homens dentro da casa e cinco aguardando do lado de fora, com um carro e uma moto, enquanto os itens roubados eram retirados. “Ele levavam uns quarenta a cinquenta minutos para levar o que roubavam para outro lugar e retornavam, fazendo a limpa na casa”, contou.

O Boletim de Ocorrência (BO) sobre o caso foi registrado no 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Para a vítima, os bandidos eram profissionais. “Eles conheciam a rotina pois ficaram esperando um dos casais, que estava no sítio, chegar da igreja, sabiam a cor da moto que eles estavam também”, disse.

Segundo Denis, os proprietários do sítio moram há 27 anos no local e disseram que os assaltos estavam cada vez mais comuns na região. Os assaltantes também levaram as imagens das câmeras de segurança do sítio. Até o momento, ninguém foi preso.

Imagens mostram que local foi ‘revirado’ pelos criminosos (Foto: Arquivo Pessoal)


SIGA-NOS NAS NOSSAS REDES