Prefeitura inicia identificação das famílias pela ‘Operação Cheia 2018’

De acordo com o Departamento de Operação da Defesa Civil, 15 bairros da cidade são monitorados semanalmente pelo órgão

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – A Prefeitura de Manaus inicia nesta segunda-feira (16), no bairro Educandos, a próxima fase da ‘Operação Cheia 2018’, que consiste na identificação das famílias residentes nas áreas passíveis de alagação para a atualização do banco de dados do ‘SOS Enchente’.

Tarumã, Mauazinho, São Jorge, Educandos, Raiz, Betânia, Presidente Vargas, Colônia Antônio Aleixo, Aparecida, Centro, Santo Antônio, Cachoeirinha, Glória, Compensa e Puraquequara participam da operação (Foto: Sandro Pereira)

A ação é organizada pela Secretaria Executiva de Proteção e Defesa Civil de Manaus e pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh) e conta, ainda, com a participação integrada de outras secretarias municipais envolvidas na operação, que se iniciou em janeiro com ações de planejamento e vistorias de monitoramento nos bairros.

De acordo com o Departamento de Operação da Defesa Civil, 15 bairros da cidade são monitorados semanalmente pelo órgão. São eles: Tarumã, Mauazinho, São Jorge, Educandos, Raiz, Betânia, Presidente Vargas, Colônia Antônio Aleixo, Aparecida, Centro, Santo Antônio, Cachoeirinha, Glória, Compensa e Puraquequara.

Também participam da ‘Operação Cheia 2018’, as secretarias municipais de Infraestrutura (Seminf), de Meio Ambiente (Semmas), da Saúde (Semsa), de Educação (Semed), de Limpeza Pública (Semulsp), além do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), Guarda Municipal, Subsecretaria de Abastecimento, Feiras e Mercados (Subsempab) e Polícia Ambiental do Amazonas.