Servidores da saúde manifestam e cobram melhorias para a categoria

A manifestação foi realizada na manhã desta quarta-feira (24), em frente a sede do Governo, na Compensa

Joiseane Caldeira / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Integrantes do Sindicado dos Trabalhadores de Controle de Endemias do Estado do Amazonas (Sindagente-AM) e de outras instituições ligadas a área de saúde cobraram do Governo do Amazonas, na manhã desta quarta-feira (24), melhorias para a categoria. Eles se reuniram em frente a sede do governo, no bairro Compensa II, zona oeste de Manaus, com cartazes e faixas com dizeres: ‘Lava jato na FVS urgente’ e ‘Estamos pagando para trabalhar’.

Parte do grupo foi recebida pelo vice-governador e secretário de Segurança Pública, Bosco Saraiva. De acordo com organizadores, cerca de 400 manifestantes se reuniram para cobrar melhorias para a categoria.

Segundo o presidente do sindicato, Lorisval Pereira, desde 2013 a categoria pede aumento de salário. “Desde 2013 estamos reivindicando melhorias no salário e sem sucesso. As perdas salarias durante todos esses anos têm nos prejudicado e está acumulada em 43%. Sofremos perda do vale transportes e alimentação é vamos lutar pelo que é nosso”, disse.

 

Na próxima segunda-feira (29) a direção do sindicato vai reunir com a categoria para tratar sobre as demandas repassadas ao Governo. “Caso não haja nenhum tipo de acordo ou melhorias o sindicato irá fazer outra manifestação no dia 08 de fevereiro, juntamente com a Secretaria de Saúde do Estado do Amazonas”, relatou.

Posicionamento

Em material enviado para a imprensa, a Secretaria de Comunicação do Governo (Secom) informou que o vice-governador ouviu as reivindicações da categoria e afirmou que o governo Amazonino Mendes está fazendo um trabalho de reestruturação da saúde, que envolve melhorias aos profissionais do setor.

(Foto: Valdo Leão)

“A gente caminha no sentido de receber as reivindicações. O doutor Deodato, secretário de Saúde, não está em Manaus e nós vamos conversar com ele assim que ele chegar. Já há um trabalho de reestruturação completa da Susam em andamento. Nós vamos juntar a esse trabalho essas reivindicações de hoje para dar sequência aquilo que é orientação do governador Amazonino Mendes, arrumar nossa casa”, afirmou o vice-governador.