Prefeitura estuda implantação de novo parque da juventude na zona norte de Manaus

O estudo é uma área degradada no Núcleo 15, no bairro Cidade Nova

Técnicos da Semmas estiveram na área, juntamente com representantes de empresas incorporadoras locais, para avaliar as possibilidades de implantação do projeto (Foto: Divulgação)

Manaus – Depois de entregar à população o Parque da Juventude Titio Barbosa, no Parque Dez, zona centro-sul, a Prefeitura de Manaus estuda a implantação de um novo espaço com requalificação ambiental e social à população. O estudo é uma área degradada no Núcleo 15 da Cidade Nova. zona norte. Técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) estiveram na área, juntamente com representantes de empresas incorporadoras locais, para avaliar as possibilidades de implantação do projeto.

O projeto é financiado por meio de compensação ambiental, sem ônus ao Tesouro Municipal. A área verde do Núcleo 15 poderá ser a quinta beneficiada, na gestão do prefeito Arthur Virgílio Neto, com a implantação de equipamentos de lazer e prática esportiva, iluminação de LED, além da arborização e paisagismo. A área tem aproximadamente 2,2 mil metros quadrados e sofre o impacto da ação do homem, sendo utilizado inclusive para descarte de lixo, estacionamento de veículos, prática de delitos e ocupações irregulares.

“A intenção dos comunitários é preservar e, por meio da intervenção municipal, possibilitar a melhoria da qualidade de vida das famílias seguindo a determinação do prefeito Arthur Virgilio e o vice Marcos Rotta de dotar a cidade de espaços verdes de convivência”, explica o secretário municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Antonio Nelson de Oliveira Júnior.

O projeto conta com o apoio da Associação de Moradores e Amigos do Núcleo 15. A entidade, de acordo com o morador Laércio da Cunha Lima, que reside no conjunto há 28 anos, se mantém alerta para impedir as tentativas de invasão na área.