Há 50 anos general colocava em dúvida as missões na Amazônia

Ele declarou-se solidário a Artur César Ferreira Reis, ex-governador do Amazonas, para quem as missões eram pontas de lança de invasores que queriam internacionalizar a Amazônia

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Há 50 anos, no dia 10 de janeiro, na Folha de S. Paulo, o general José Luís Guedes, ex-diretor do Serviço de Proteção aos Índios, acusou as missões religiosas americanas na Amazônia de não serem integradas por missionários, mas por geólogos, mineralogistas, físicos, químicos etc.

 

(Foto: Reprodução)

Declarou-se solidário a Artur César Ferreira Reis, ex-governador do Amazonas, para quem as missões eram pontas de lança de invasores que queriam internacionalizar a Amazônia.

(Foto: Tiago Queiroz/Estadão)

O Monitoramento por Satélite dos Plantios de Soja mostra que a área desmatada para o plantio do grão na Região Amazônica quadruplicou desde 2012. O número foi considerado positivo pelo ministro do Meio Ambiente, Zeca Sarney, e pelo Greenpeace.

Temporada de licitações
A Assembleia Legislativa do Estado publicou abertura de licitações para instalação de sinalização vertical em sua área externa, manutenção em sua central telefônica e manutenção no sistema de refrigeração.

Prefeito na mira
O controle externo do Tribunal de Contas do Estado representou contra o prefeito de Maués, Carlos Junior, pela suspensão de portarias que tornaram estáveis agentes de saúde.

Entre as piores 1
De acordo com o Ministério da Educação (MEC), a Faculdade de Odontologia de Manaus é a pior entre as faculdades particulares e o Centro Universitário Luterano de Manaus é o 3º pior centro universitário.

Entre as piores 2
Entre as instituições de Ensino Superior particulares avaliadas pelo MEC, no País, 14,9% não obtiveram notas satisfatórias no Índice Geral de Cursos (IGC)) no último ciclo de avaliação.

MAIS INFO
15%
apenas dos brasileiros dizem ter condições de pagar, com os próprios rendimentos, as despesas de início de ano, como os gastos com material escolar, IPTU e o IPVA, segundo levantamento realizado SPC Brasil.
6%
foi o crescimento do turismo internacional em 2017, segundo o novo secretário-geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), Zurab Pololikashvili. Ele estimou um aumento entre 3% e 4% na chegada de turistas estrangeiros no mundo em 2018.



SIGA-NOS NAS NOSSAS REDES