Mercado da beleza em Manaus mantém expansão de estabelecimentos em 2019

A capital amazonense deve continuar experimentando o ‘boom’ das barbearias, visto que muitos homens estão cada vez mais ligados aos cuidados com a aparência, diz Sisbisim

Da redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – A preocupação com a aparência deve movimentar o mercado da beleza manauara. A expectativa do Sindicato dos Salões de Barbeiros, Cabeleireiros, Institutos de Beleza e Similares de Manaus (Sisbisim) é de que a oferta de serviços do segmento aumente em 20%, neste ano.

De acordo com a presidente da entidade, Antônia Moura de Souza, a capital amazonense deve continuar experimentando o ‘boom’ das barbearias, visto que muitos homens estão cada vez mais ligados aos cuidados com a beleza, e os empresários estão se preparando para o competitivo mercado local.

“A nossa estimativa é que em 2019 a nossa classe obtenha ganhos expressivos, principalmente nas demandas de barbearia. O que temos visto é que muitos homens que eram de outras áreas estão migrando para área da beleza e estão se qualificando, buscando o conhecimento, para ter diferencial, e isso reflete diretamente na entrega do serviço para o consumidor”, destaca Souza.

Há muita procura em áreas como embelezamento do olhar, esmaltaria, técnicas de pedrarias entre outras (Foto: Divulgação/Sisbisim)

Segundo Antônia Souza, a capital conta com espaços exclusivos para o público masculino e a tendência é que mais negócios sejam implementados ao longo dos meses. No entanto, o crescimento também é perceptível em outras áreas da beleza, como a especialização em embelezamento do olhar, esmaltaria com as unhas em gel, técnicas de pedrarias entre outras inovações.

Capacitação

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac AM) tem acompanhado as estimativas dos sindicatos ligados à Fercomércio do Amazonas e alinhado os cursos conforme os anseios do mercado local. Nesse sentido, os cursos para área da beleza são a grande pedida para quem quer empreender em 2019.

Em janeiro e fevereiro, o Senac preparou uma programação voltada para este setor com cursos para diversas atividades como barbeiro, cabeleireiro, coloração, design de sobrancelhas, depilação, unhas em gel, manicure e pedicure, entre outros.

As aulas começam a partir de 21 de janeiro e possuem cargas horárias que vão desde 4h a 400h, no valor de R$ 70 a R$ 1,8 mil. Há disponibilidade nas unidades do Senac da Cidade Nova, zona norte, e no Centro.

Mais informações, no site do Senac (www.am.senac.br/cursos) ou pelo telefone 3649 3750.
Dados nacionais reforçam o potencial do mercado da beleza. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o segmento está entre os dez maiores do varejo. Outro dado do Serviço Brasileiro de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) aponta que, até o ano passado, mais 600 mil estabelecimentos desta atividade foram abertos em todo o País.