Após derrota no Estadual, Princesa demite o técnico Marquinhos Piter

Demissão do treinador, que estava há um ano e meio no clube, foi confirmada na tarde de hoje. Marquinhos disse que não entendeu a decisão da diretoria.

Manaus – Após um ano e meio no comando do Princesa do Solimões, o técnico Marquinhos Piter foi dispensando pela diretoria do clube na tarde desta segunda-feira (26). Segundo o presidente do Tubarão, Holofernes Leite, a decisão foi do diretor de futebol Raphael Maddy. O treinador disse não ter entendido o motivo da demissão.

“Quando eu cheguei na reunião com a diretoria, disseram que queriam me agradecer por tudo, que eu não tive culpa pela perda do Estadual, outro disse que eu não falei com ele no hotel, mas eu tava concentrado no jogo. O cara tem que ser demitido pelo trabalho dele, não porque questões pessoais. Não entendi”, disse Marquinhos.

No sábado (24), o Princesa foi derrotado por 5 a 1 para o Nacional na final do Campeonato Amazonense e ficou com o vice-campeonato. A equipe poderia perder por até dois gols de diferença para garantir o título, mas não conseguiu administrar a vantagem e foi surpreendida pelo Naça. O próximo compromisso da equipe de Manacapuru (a 68 quilômetros a oeste de Manaus) é a Série D do Campeonato Brasileiro, a partir do dia 20 de julho.

Campeão estadual em 2013 com o Princesa, Marquinhos deixou o clube com um aproveitamento de 64,9% no Amazonense deste ano e com classificação à segunda fase da Copa Verde e da Copa do Brasil, onde caiu diante do Santos (6 a 3 no placar agregado).

“Minha vida continua, aproveitei a oportunidade da melhor forma possível. Fiquei triste porque, no momento bom do time, todo mundo sabia que eu tinha recebido propostas de outros clubes e mesmo assim eu não deixei o time. Queria disputar o Brasileiro (Série D) para ganhar experiência, mas estou tranquilo. Agora, vou aproveitar a família”, disse o treinador.

Holofernes não soube justificar a demissão de Marquinhos, apenas atribuiu a decisão a Raphael Maddy. “Só quem tem essa informação é ele”, resumiu o presidente do clube. A reportagem tentou contato com Maddy, mas o dirigente não atendeu aos telefonemas.