Em casa, Botafogo joga por vaga nas quartas da Copa Libertadores

Após vencer o Nacional-URU, por 1 a 0, fora de casa, Botafogo recebe a equipe uruguaia precisando apenas do empate para avançar no torneio

Estadão Conteúdo

Arquibancadas do Estádio Nilton Santos deverão estar lotadas para apoiar o time do Botafogo (Foto: Vitor Silva/ Botafogo Divulgação)

Rio de Janeiro – O Botafogo está motivado e tem tudo para confirmar a vaga nas quartas de final da Copa Libertadores, nesta quinta-feira, às 18h15 (de Manaus), no Estádio Nilton Santos, no Rio, diante do Nacional, do Uruguai, time que venceu por 1 a 0 na partida de ida entre as equipes, disputada em Montevidéu, além de deixar o posto de azarão para marcar a sua posição como postulante ao título da competição.

A boa fase na temporada também tem rendido bons negócios. Nesta quarta-feira, a diretoria botafoguense anunciou um patrocínio pontual – a espanhola Cabify, empresa que atua na área de mobilidade urbana – para o jogo contra os uruguaios e as semifinais da Copa do Brasil diante do Flamengo. O clube também deverá ter apoio maciço dos torcedores, que já compraram a maioria dos ingressos disponibilizados para a partida.

Em relação ao time, o técnico Jair Ventura – um dos responsáveis pela virada do clube alvinegro, que passou de quase rebaixado no Campeonato Brasileiro de 2016 a candidato aos títulos que disputa neste ano – disse já ter a equipe titular definida, mas preferiu não divulgá-la na véspera da decisão.

A principal curiosidade do torcedor é em relação ao gol. Jefferson e o paraguaio Gatito Fernández estão à disposição. Já na lateral direita, tudo indica que Luís Ricardo será o titular. Arnaldo ainda não foi liberado pelo departamento médico do clube e Emerson Santos, zagueiro que vinha sendo improvisado como ala, em fim de contrato e recebendo sondagens para deixar o clube, nem mesmo foi relacionado.

No Nacional – clube tricampeão da Libertadores nos anos de 1971, 1980 e 1988 -, a missão será reverter a vantagem obtida pelos brasileiros no Uruguai. Para tanto, o técnico Martín Lasarte deverá fazer algumas alterações na equipe.

Na defesa, Agustín Rogel deverá ocupar o posto de Rafael García. Diego Arismendi provavelmente substituirá o volante Santiago Romero, negociado com o Rosario Central, da Argentina. Também o goleador Rodrigo Aguirre deverá entrar na equipe no lugar de Hugo Silva. Outra mudança no time uruguaio pode ser a entrada de Sebastián Rodríguez no meio de campo na vaga de Felipe Carballo.



SIGA-NOS NAS NOSSAS REDES