Iranduba vence na Libertadores Feminina na Arena da Amazônia

Após um início de jogo nervoso, equipe amazonense derrotou o time venezuelano por 2 a 1, e passou a assumir a liderança do Grupo C. Na quarta-feira, irandubenses encaram o Cerro Porteño (PAR), às 20h30

Natasha Pinto / vencer@diarioam.com.br

Manaus – O Iranduba estreou na Copa Libertadores com vitória pouco expressiva em cima do Flor de Pátria (VEN), por 2 a 1, na noite de ontem, na Arena da Amazônia. Os gols da vitória amazonense no torneio foram marcados por Andressinha e Ludmila. Joemar Barroso descontou para as venezuelanas.


Na estreia, Alviverde de Iranduba teve um bom início na competição (Foto: Eraldo Lopes)

Com o resultado, o alviverde irandubense é o líder do Grupo C, com três pontos, seguido de Uai Urquiza (ARG) e Cerro Porteño (PAR) empatados em segundo, com um ponto cada. As venezuelanas do Flor de Pátria estão na lanterna do grupo.

O próximo desafio do alviverde irandubense será na quarta-feira, contra as paraguaias do Cerro Porteño (PAR), às 20h30, também na Arena da Amazônia. Abrindo a segunda rodada, Uai Urquiza duelará com Flor de Pátria, às 18h.

O jogo

Nos primeiros 15 minutos de partida, o Iranduba pressionou bastante as venezuelanas e até conseguiu três oportunidades de abrir o placar, mas a equipe sempre pecava no ‘último passe’.

Até aos 41 minutos do primeiro tempo. Após uma falta sofrida ainda longe da grande área, a meia Andressinha cobrou a falta com maestria e colocou a bola na gaveta, sem chances de defesa para a goleira Franyely Rodriguez.
Passado o nervosismo da etapa inicial, no segundo tempo o Iranduba conseguiu impor seu ritmo de jogo e, logo aos seis minutos, Andressinha encontrou a atacante Ludmila na área que, livre de marcação, dominou a bola e chutou com força para o gol, marcando o segundo do jogo.

Como era de se esperar, após construir o resultado, o Iranduba diminuiu o ritmo de jogo. Consequentemente, as venezuelanas cresceram em campo e conseguiram diminuir o marcador.

Após uma confusão na pequena área, a goleira Maike saiu mal no lance e deixou o gol livre para Joemar Barroso só empurrar para a rede e dar números finais à partida.

Mais cedo…

Antecedendo a partida do Iranduba e dando o ‘ponta-pé inicial’ na Libertadores em Manaus, o Uai Urquiza (ARG) ficou no empate de 1 a 1 com o Cerro Porteño (PAR). Os gols da partida foram marcados por Belén Potassa para as ‘Las Guerreras’. Monica Vega empatou para o ‘Clube do Povo’.

Em um jogo truncado, marcado pelo nervosismo de ambas as equipes, as redes só foram balançadas na etapa final. Aos seis minutos, Mariana Gaitan, do Urquiza, cruzou para a área e a atacante Belén Potassa completou sem dificuldades para dentro do gol.

O Cerro só empatou aos 43. Após receber lançamento, Monica Vega dominou e encobriu a goleira Solana Pereyra.
A próxima partida do Uai Urquiza (ARG) será na quarta-feira, diante do Flor de Pátria (VEN), na Arena da Amazônia, às 20h30 (de Manaus).