Populares criam tumulto por não conseguirem trocar ingressos para a Copa Verde

Segundo a CBF, a troca sustentável para a partida, na Arena da Amazônia, tinha um limite de 3 mil ingressos. 'Se eles tivessem avisado a gente nem teria saído de casa', reclamou um dos torcedores

Sofia Lorrane / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Populares criaram um tumulto, na tarde desta quarta-feira (11), por não conseguir efetuar a troca de garrafas pets pelo ingresso do jogo entre Manaus-AM e Paysandu-PA, pela Copa Verde, que será às 20h desta quarta, na Arena da Amazônia. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) esclareceu que a troca sustentável para a Copa Verde 2018 tinha uma quantidade limite de 3 mil ingressos.

(Foto: Gisele Rodrigues)

O policial militar Fábio André Rocha Oliveira, 33, conta que verificou no site oficial da CBF que, com três garrafas pets, conseguiria um ingresso até o final da tarde desta quarta-feira (11). “Eu e várias outras pessoas não conseguimos, eles não informaram o limite de ingressos. Chegamos aqui e eles falaram que não vai ter mais, que havia esgotado. Se eles tivessem avisado a gente nem teria saído de casa, tivemos o gasto de vim até aqui e não conseguimos”, disse.

A educadora física Taynara Moreira de Souza, 21, reclamou que faltou comunicação por parte da CBF. “Estou desde 13h aqui e eles falaram que não vai ter mais troca e simplesmente não explicaram mais nada. A gente fica sem entender, nos sentimos menosprezados e enganados. Eles fazem a gente vim aqui e quando chegamos não dá para trocar”, contou.

A assessoria da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informou que a troca poderia ser realizada até esta quarta-feira (11), porém a procura foi grande e já esgotaram os ingressos para troca.

Torcedores faziam fila para trocar ingressos, nesta quarta-feira (Foto: Gisele Rodrigues)