Manaus elimina Remo e avança na Copa Verde

Mesmo com a vantagem de perder por até um gol de diferença, Gavião do Norte empatou com o Remo, em 1 a 1, em pleno Mangueirão, em Belém

Thiago Fernando / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Mostrando maturidade e força tática, o Manaus FC concretizou a sua classificação para a segunda fase da Copa Verde ao empatar com o Remo-PA, por 1 a 1, no Mangueirão, em Belém (PA). Os gols da partida foram marcados pelo meia Wander, para o Gavião do Norte, e Mimica, para os paraenses. No placar agregado, o time amazonense, que jogava com a vantagem de poder perder por até um gol de diferença, fez 3 a 1.

Os gols da partida foram marcados pelo meia Wander, para o Gavião do Norte, e Mimica, para os paraenses. (Foto: Fábio Will/ Divulgação)

Agora, o Manaus FC irá encarar quem passar do duelo entre São Raimundo-RR e Rio Branco-AC, que jogam na próxima quinta-feira (22), no Acre. Na partida de ida, o Rio Branco fez 2 a 1, fora de casa.

Os gols da partida foram marcados pelo meia Wander, para o Gavião do Norte, e Mimica, para os paraenses. (Foto: Fábio Will/ Divulgação)

Pressionado por precisar de, no mínimo, dois gols, o Remo começou atacando. A primeira chegada aconteceu, aos 11 minutos, quando o lateral Levy fez um ‘salseiro’ pelo lado do campo, invadiu a área, mas finalizou fraco nas mãos do goleiro Milton.

Os gols da partida foram marcados pelo meia Wander, para o Gavião do Norte, e Mimica, para os paraenses. (Foto: Fábio Will/ Divulgação)

Com tranquilidade, o Manaus chegou com perigo, aos 21 minutos. Após bom ataque puxado por Hamilton, o ponta Rossini completou da meia-lua, mas a bola saiu sem força no meio do gol de Vinicius. Mesmo contando com três atacantes, o Remo-PA encontrava dificuldades para criar jogadas. Assim, a melhor opção dos paraenses passou a ser o lateral-esquerdo Esquerdinha.

Aos 37 minutos, o Remo teve uma penalidade marcada ao seu favor. Em bate-rebate dentro da grande área do Manaus FC, Hamilton tentou uma bicicleta para tirar a bola e acertou o adversário. Na cobrança, o atacante Isaac parou no goleiro Milton, que espalmou para escanteio.

Oito minutos depois, Isaac perdeu mais uma oportunidade de abrir o placar. Em cobrança de falta, Jefferson Recife colocou a bola na cabeça do capitão do Remo, que completou por cima do travessão. Aos 49 minutos, Milton fez um milagre na cabeçada de Jaime.

O Remo voltou para a segunda etapa pressionado. Aos 21 minutos, Elielton balançou as redes de Milton, porém, o gol foi anulado. O árbitro Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS) marcou falta em Deurick. Para sacramentar a classificação, o Manaus fez um gol, aos 25 minutos, com o meia Wander.

O Remo ainda conseguiu empatar com Mimica, aos 33, após escanteio de Rodriguinho. Mas o resultado foi insuficiente para tirar a vaga do Gavião do Norte.