Karina Bacchi incentiva doação de leite materno: ‘Crise difícil de atravessar’

Karina está à frente de uma campanha acerca do tema, chamada Conserve o Amor, que incentiva a doação de leite materno e ressalta a importância de mantê-lo em refrigeração adequada

Estadão Conteúdo / redacao@diarioam.com.br

Rio de Janeiro – Karina Bacchi, mãe do pequeno Enrico, que com oito meses de vida já tem mais de um milhão de seguidores em seu Instagram, fez uma postagem na rede social para ressaltar a importância da doação de leite materno.

Karina Bacchi e Enrico (Foto: Reprodução/Instagram)

“Quem acompanhou meu dia a dia no nascimento do Enrico viu que amamentei em livre demanda. Sei que foi super importante para a saúde do Enrico, tanto que o amamento até hoje. Essa é a vontade de muitas mães, mas que, por diversos motivos, algumas não conseguem amamentar. É uma crise difícil de atravessar e que, com a ajuda de outras mães e do trabalho maravilhoso dos bancos de leite, muitas mulheres conseguem acesso a leite materno para dar aos seus bebês!”, escreveu.

Karina está à frente de uma campanha acerca do tema, chamada Conserve o Amor, que incentiva a doação de leite materno e ressalta a importância de mantê-lo em refrigeração adequada.

Hoje, no Brasil, existem 221 unidades de bancos de leite e 186 postos de coleta, espalhados por todos os Estados. Mesmo assim, a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano supre apenas cerca de 60% da demanda para recém-nascidos internados em unidades de terapia intensiva.

Toda mulher que amamenta é uma possível doadora, desde que esteja saudável e não tome nenhum medicamento que interfira no processo. É possível encontrar mais informações por meio do Disque Saúde, 136.

A campanha Conserve o Amor é feita pela Panasonic.

Bom dia queridas! Quem acompanhou meu dia a dia desde o nascimento do Enrico viu que amamentei em livre demanda. Sei que foi super importante para a saúde do @enricobacchioficial tanto que o amamento até hoje. Essa é a vontade de muitas mães mas , por diversos motivos, algumas não conseguem amamentar. É uma crise difícil de atravessar e , com a ajuda de outras mães e do trabalho maravilhoso dos bancos de leite, muitas mulheres conseguem acesso a leite materno para dar aos seus bebês! O Brasil é o primeiro no mundo em doação de leite materno, mas ainda estamos a 40% de entregar leite suficiente para atender a todas as mães que querem ajuda. A Panasonic escolheu dar voz à causa das doadoras às vésperas do Dia das Mães com a ação “Conserve o Amor”, que mostra a importância de manter o leite em refrigeração adequada em casa e no banco de leite, que é fundamental para que a doação não seja perdida e que esse alimento especial chegue a muitos bebês!!” #conserveoamor #diadasmaes @panasonicbrasil

A post shared by Karina Bacchi (@karinabacchi) on