Quatro meninos deixam caverna na Tailândia

Conforme autoridades locais, 12 garotos e seu treinador entraram no local no dia 23 de junho, depois de um treino. Um temporal teria inundando a entrada da caverna e impedido a saída deles

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Brasília – Quatro meninos que estavam presos em uma caverna, na Tailândia, deixaram o local, conforme informações divulgadas por autoridades locais, neste domingo (8). Há duas semanas, o grupo formado por 12 garotos e um professor ficou preso depois de entrar no local.

Conforme autoridades, o grupo e seu treinador entraram na caverna no dia 23 de junho depois de um treino (Foto: Reprodução/Marinha da Tailândia)

Além dos quatro resgatados, outros dois conseguiram avançar para um local chamado “caverna 3”, onde as equipes de socorro montaram um acampamento provisório, considerado seguro.

Os outros seis garotos, além do professor, continuam presos na gruta. Eles aguardam o resgate de uma equipe de mergulhadores.

Os meninos, com idade entre 11 e 16 anos, e seu treinador, 25, foram localizados na noite da última segunda-feira (2), dentro da caverna. A saída do local foi bloqueada por inundações, há duas semanas. Apesar de terem sido encontrados debilitados, todos foram achados vivos.

A operação de resgate enfrenta dificuldades por conta das chuvas. Por isso, as equipes fazem drenagem da água.

Conforme autoridades locais, o grupo entrou na caverna no dia 23 de junho depois de um treino. Um temporal teria inundando a entrada da caverna e impedido a saída deles.