Caminhão na contramão provoca acidente com vítimas fatais em Manaus

Foram confirmadas, até agora, 15 vítimas fatais, incluindo a de um bebê que estava na barriga de Gabriella Telo Messias, grávida de seis meses.

Manaus – Um caminhão de carga com areia perdeu o controle, entrou na contramão e se chocou contra um micro-ônibus na Avenida Djalma Batista, no sentido centro-bairro, próximo à Universidade Paulista (Unip), na zona centro-sul de Manaus. O acidente aconteceu por volta das 20h.

Dentro do micro-ônibus da linha 825 (sentido Bairro da Paz), de placas NOR-0286, bombeiros já resgataram pelo menos 19 pessoas para diferentes hospitais de Manaus. A assessoria do Instituto Médico Legal confirmou, até agora, 15 vítimas fatais, incluindo a de um bebê que estava na barriga de Gabriella Telo Messias, grávida de seis meses.

O trecho chegou a ficar interditado até o cruzamento da Avenida Djalma Batista com a Pedro Teixeira, na altura da Sorveteria Happy Ice. Ambulâncias do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), além de agentes do Manaustrans e do Corpo de Bombeiros estão no local. 

O caminhão tinha adesivagem da Secretaria Municipal de InfraEstrutura (Seminf). Segundo a assessoria do órgão, o veículo é de uma empresa terceirizada. A Seminf apura agora que tipo de serviço estava sendo realizado no momento do acidente para tratar sobre responsabilidade pelo acidente. 

Segundo informações divulgadas pelo coordenador do Samu, Enzo Monteiro, uma das vítimas estava grávida de seis meses. “Foi tentado fazer o parto com a reanimação do feto, mas ambos vieram a óbito. Ainda não sabemos o nome das vítimas”, informou.

O comandante do Corpo de Bombeiros no Amazonas, Coronel Dias, afirmou que o trabalho mais difícil já foi feito. “É uma operação dolorosa. Ainda existem corpos no micro-ônibus”, revelou.

Foram encaminhadas 10 vítimas para o Pronto-Socorro 28 de Agosto, sete para o Pronto-Socorro João Lucio e outros três para Serviços de Pronto-Atendimento (SPA) de São Raimundo, Alvorada e Redenção. 

O mototaxista Roberlan Cardoso afirmou que testemunhou o acidente e que estava no posto no momento em que os veículos se chocaram. “Eu vi apenas que a caçamba e um S10 vinham em muita velocidade e o caminhão perdeu o controle e acabou batendo. O motorista do outro carro pediu socorro, mas depois, na confusão, fugiu”, contou. 

*Reportagem atualizada às 23h30.