Dinheiro, armas e drogas são apreendidos durante operação nas zonas norte e leste

Dinheiro, armas e drogas foram apreendidos durante operação que ocorreu nas zonas norte e leste de Manaus

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Duas pessoas suspeitas de envolvimento com o tráfico de drogas no Conjunto Viver Melhor, no bairro Santa Etelvina, zona norte, e no Nova Floresta, na zona leste, foram presas no fim da manhã desta quarta-feira (21) por policiais da Secretaria Executiva-Adjunta de Operações (Seaop). Duas armas, munições, celulares, porções de drogas e dinheiro foram apreendidos durante a ação policial.

No Conjunto Viver Melhor 1, após receber denúncia anônima através do “Disk Denúncia 99345-2848”, a equipe de investigação chegou a Dayanne Grayce Pena Machado,  27 anos. Ela foi presa portando entorpecente e dinheiro em casa, onde foram encontrados um revólver calibre 38 de numeração suprimida, dois celulares, quatro munições calibre 38 intactas, além de duas porções de oxi grande, uma porção de oxi média, uma porção de cocaína média, 20 trouxinhas de maconha e R$ 302 em espécie.

Já no Nova Floresta, na zona leste, a denúncia anônima levou os policiais a Max Leno Rodrigues Amaral, 22 anos, vulgo “BB”, que estava comercializando drogas no bairro e intimidava a população com uma arma de fogo. Ao realizar a revista pessoal no suspeito, um revólver calibre 38, com 04 munições intactas, foi encontrado na cintura do infrator. Durante a busca na residência, os policiais encontraram a quantia de R$ 310 dentro do guarda roupa e um dichavador, aparelho usado para moer e preparar cigarros.

Max Leno foi encaminhado ao 14° Distrito Integrado de Polícia, no Jorge Teixeira, para as devidas providências cabíveis. Já Dayanne Grayce Pena Machado seguiu para o 26° DIP, no Santa Etelvina.