Homem é preso com 112 kg de cocaína avaliada em mais de R$ 1,5 milhão

A prisão do marinheiro de convés aconteceu na orla do Porto da Manaus Moderna

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Um homem identificado como Elivaldo Soares Mendes, 42, foi preso na tarde desta sexta-feira (12), com 112 KG de cocaína pura avaliada em mais R$ 1,5 milhão. A prisão do marinheiro de convés aconteceu na orla do Porto da Manaus Moderna, bairro Centro, zona Sul.

A prisão do marinheiro de convés aconteceu na orla do Porto da Manaus Moderna. (Foto: Divulgação)

A apreensão da droga foi resultado de uma ação conjunta envolvendo equipes da Secretaria-Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai), vinculada à Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc) e Delegacia Fluvial (Deflu), da Polícia Civil do Estado.

De acordo com o vice-governador e secretário da SSP-AM, Bosco Saraiva, a apreensão é decorrente do cronograma de abordagens de rotina da operação “Alegoria Proibida”, que está focada no combate ao tráfico de drogas durante todo o período carnavalesco, tanto na orla de Manaus, como em toda capital e interior do Estado.

Conforme o secretário da Seai, delegado Herbert Ferreira Lopes, o flagrante aconteceu às 15h, durante buscas na embarcação Manoel Monteiro 2, atracada na orla do Porto da Manaus Moderna, bairro Centro, zona sul. A mercadoria ilícita, oriunda no município de Tabatinga, distante 1.108 quilômetros em linha reta da capital, estava sob os cuidados de Elivaldo Mendes. Na abordagem, os policiais encontraram parte das drogas acondicionadas em malas e outra parte escondida em sacolas com logotipo dos Correios.

De acordo com o diretor do Denarc, delegado Paulo Mavignier, Elivaldo já foi preso por tráfico de drogas. “Ele era único responsável pelo porão da embarcação onde veio a droga. Parte da drogas estava acondicionada em malas e outra parte estava em sacos do Correios. Mas rapidamente nossas equipes conseguiram verificar que se tratava de entorpecentes e realizamos a apreensão desse material. 99% dos entorpecentes que chega em Manaus vem pela via fluvial, seja por lanchas rápidas, embarcações de recreio ou barco pesqueiro, mas o Sistema de Segurança Pública do Estado está atento a isso”, disse Paulo Mavignier.

O secretário da Seai mencionou como as equipes policiais conseguiram realizar a apreensão e a prisão de Elivado. “Cabe a Seai fazer a programação das ações, dentro da operação Alegoria Proibida, indicando as embarcações que possivelmente façam o transporte de drogas de Tabatinga para Manaus. É o que vem sendo feito, a Seai indica a embarcação, o horário e dia para realizar a abordagem, o que resulta nesse tipo de apreensão. Houve a tentativa de dissimulação da droga, mas mesmo tentando burlar a fiscalização, acabamos descobrindo a mercadoria ilícita”, pontuou.

Conduzido à base do Denarc, das dependências da Delegacia Geral, Elivaldo foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis no departamento, o homem será levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da cidade.