Queda de helicóptero de empresa petrolífera deixa dois mortos em Tefé

A aeronave perdeu contato com a base 15 minutos após a decolagem.

Manaus – Um helicóptero caiu próximo ao município de Tefé, a 522 quilômetros de Manaus, na manhã desta sexta-feira (14). Segundo o Centro de Comunicação Social da Aeronáutica (Cecomsaer), duas pessoas, sendo o piloto e o mecânico, morreram na queda.

A aeronave de fabricante Bell, modelo 212, prefixo PRHRZ, que pertence a empresa HRT O&G Exploração e Produção de Petróleo Ltda (HRT O&G), se dirigia a Base de Porto Urucu, em Coari, e de acordo com o Cecomsaer, perdeu contato com a base 15 minutos após a decolagem.

Conforme o Cecomsaer, outra aeronave da empresa petrolífera identificou o local da queda, que estaria entre o município de Tefé e a 24 milhas da Base de Porto Urucu. A empresa também se dirigiu ao local via transporte fluvial e localizou os corpos das vítimas do acidente.

Após a confirmação da queda, uma aeronave da Força Aérea Brasileira foi enviada ao local para realizar o resgate de possíveis vítimas. A aeronave já se encontra na base em Tefé e se dirige, neste momento, ao local do acidente.

Em nota, a  assessoria da empresa HRT O&G confirmou as duas vítimas fatais e informou que um plano de emergência da companhia foi acionado. A petrolífera também declarou que vai apurar as causas do acidente.

Confira a nota na íntegra:

A HRT O&G informa que ocorreu hoje, às 8h10h, um acidente com um dos helicópteros operados pela companhia no município de Tefé, no Amazonas. A empresa informa que há duas vítimas fatais. O Plano de Emergência da companhia foi acionado e a empresa está prestando toda a assistência necessária aos familiares das vítimas. As causas do acidente ainda estão sendo apuradas. 



SIGA-NOS NAS NOSSAS REDES