Suspeito de matar homem com oito facadas é preso no Lago Azul, em Manaus

Em depoimento na delegacia, Anderson Assunção Costa, 20, disse que os dois já tinham uma rixa.

Manaus – Anderson Assunção Costa, 20, foi preso suspeito de assassinar a facadas Adriano Oliveira Jumak, 17, por volta de 5h, desta quarta-feira (11), na Rua 11, no Lagoa Azul, zona norte de Manaus.

De acordo com a polícia, Adriano e Anderson dividiam uma porção de drogas, quando começaram a discutir. Na briga, Anderson desferiu oito golpes de faca no peito da vítima, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O suspeito fugiu, mas foi localizado duas horas depois por policiais do 15º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dehs). Ele estava na casa dele, localizada na Rua Dois, no mesmo conjunto.

Em depoimento na delegacia, ele disse que os dois já tinham uma rixa. “Matei, matei, vou fazer o quê? Vou chorar?”, explicou, aos risos.

O irmão da vítima, pedreiro Edson Pereira, 33, disse que nunca viu Adriano se metendo em confusão, mas contou que ele era distante da família.

Anderson foi autuado por homicídio qualificado, e depois será encaminhado à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa.