Artista do AM expõe suas obras no programa ‘Encontro’, da Rede Globo

As obras de Raiz estão estampando o cenário do programa durante toda essa semana. Artista é conhecido por representar elementos amazônicos através de grafites

Com informações da assessoria / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Durante toda esta semana, de segunda a sexta-feira (12 a 16), o Brasil inteiro poderá conhecer algumas obras do artista Raiz, do Amazonas, que estão estampando o cenário do programa ‘Encontro com Fátima Bernardes’, da Rede Globo de Televisão.

Rai Campos, também chamado de Raiz, é conhecido por representar elementos amazônicos através de grafites feitos em espaços urbanos, como viadutos e muros em meio as avenidas. Além disso, ele também já viajou o interior do Amazonas e fez suas pinturas utilizando inspirações locais.

Para o artista, realizações do tipo são uma forma de divulgação da Amazônia para o restante do País. “A ideia para participar do programa surgiu a partir do convite de Rui Amaral, que é grafiteiro, curador, um rapaz que trabalha com a arte em São Paulo e tem um projeto com a Rede Globo, que toda semana leva um artista diferente para estampar o cenário do programa da Fátima Bernardes”, contou. “Já vi por lá vários amigos que trabalham super bem e agora chegou a minha vez”.

Animais, pessoas, a floresta, rituais e lendas amazônicas. Tudo isso é usado como inspiração para o baiano que cresceu em Vila Pitinga, uma comunidade situada dentro da reserva indígena Waimir Atroari, no interior do Amazonas.

Sobre a exposição de suas obras no programa global, Raiz afirma: “Eu me sinto muito feliz. Eu estou maravilhado e contente com tudo isso. Quem me conhece sabe que eu não sou filho de artista influente e que nasci na simplicidade. Foi com muito trabalho, estudo e foco que consegui que estes trabalhos tivessem seus reconhecimentos”, declarou.

O artista chegou a ganhar reconhecimento nacional e internacional quando uma de suas obras, grafitada e exposta no Viaduto Gilberto Mestrinho, no bairro Coroado, na Zona Leste de Manaus, ficou entre os primeiros colocados na campanha da Gráfica Mestiza, especializada em divulgar a arte urbana de países da América Latina, nas redes sociais.

***Com informações do Portal da Cultura, da Secretaria de Estado de Cultura.