Opções turísticas para quem vai a Belém durante o Círio de Nazaré

Influenciadora digital Fabíola Abess, do Mochilão das Amigas, indica de prédios históricos a espaços musicais como alternativas

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Faltando poucos dias para uma das principais festas religiosas do País, Belém já se prepara para receber os visitantes que chegam à capital paraense para o Círio de Nazaré. Segundo a Secretaria de Turismo do Pará, a cidade deve receber mais de 80 mil pessoas de outros Estados e países para a festa que inicia no próximo dia 14 e segue até o final do mês.

Na cidade, a primeira sugestão é a Catedral Metropolitana (Foto: Socorro Simonetti/Wikimedia Commons)

Para os turistas que forem permanecer mais tempo por lá, a cidade oferece diversas opções de passeios. A influenciadora digital amazonense Fabíola Abess, do Instagram Mochilão das Amigas — @mochilaodasamigas —, listou algumas dicas de locais que valem a pena conhecer na capital paraense.

A maneira mais rápida de chegar a Belém é de avião. A viagem de Manaus até a capital paraense dura, em média, duas horas.

Na cidade, a primeira sugestão dela é a Catedral Metropolitana, localizada no bairro Cidade Velha. A igreja, que é uma construção com elementos do estilo neoclássico e barroco, possui desenhos feitos pelo arquiteto Landi e telas pintadas por renomados artistas europeus do século 18. “É uma bela construção artística, que vale a pena conhecer”, diz ela. Da Catedral Metropolitana sai a procissão do Círio, que percorre as ruas da cidade até a Basílica de Nazaré.

Também no bairro de Cidade Velha é possível visitar o Forte do Presépio, um dos pontos turísticos mais procurados da cidade, por sua visão privilegiada do rio. O mercado Ver-o-peso, cartão-postal da cidade, é um dos mais antigos do Brasil e foi eleito uma das sete maravilhas do Brasil.

Fabíola ressalta que uma parada obrigatória para quem visita Belém é a Estação das Docas. O local conta com exposição permanente sobre a história da navegação do Estado.

Para dançar música regional, o carimbó, a recomendação é o Espaço Cultura Apoena, no bairro do Marco.