Evento debate temas relevantes para a comunidade lésbica, em Manaus

O 'Mana' contará com rodas de conversa, palestra, mesa-redonda, shows e outras atrações, neste domingo, no Centro

Maria Luiza Dacio / plus@diarioam.com.br

Manaus – Em alusão ao Dia Nacional da Visibilidade Lésbica, lembrado todo 29 de agosto, acontece, neste domingo (9), das 16h às 23h, no espaço Curupira Mãe do Mato (Av. 7 de Setembro, 1.710, Centro), o ‘Mana’, evento idealizado por mulheres lésbicas que abordará temas como visibilidade, saúde, relacionamentos e resistência. As pautas do encontro são extremamente relevantes para a vivência das mulheres na comunidade LGBT+.

Objetivo da idealizadora Luana Aleixo é transformar a iniciativa em uma festa (Foto: Divulgação)

Luana Aleixo, coordenadora e idealizadora do projeto, revelou que a ideia veio a partir de inquietações e experiências próprias. “A ideia do evento surgiu há um tempo. Eu queria fazer uma festa voltada para as mulheres lésbicas e bissexuais, e usei o gancho do Dia Nacional da Visibilidade Lésbica e o Dia do Orgulho Lésbico para iniciar o projeto, que, em breve, se transformará em uma festa”, explicou.

Para ela, a realidade da mulher na comunidade LGBT+ é díficil — não distante da real situação do mulher na sociedade atual. Para ela, ainda é necessário evolução e espaço para o grupo dentro da comunidade. “Apesar do L estar na frente da sigla, ainda estamos muito invisibilizadas. Como organizadora de eventos, sempre vejo nas festas que produzo e participo que a maior quantidade de público é formada por gays. Vemos que as meninas, muitas vezes, não se sentem tão bem. Queremos um espaço para que essas meninas se conheçam, se sintam confortáveis e, claro, se divirtam”, defendeu.

Luana explicou, ainda, que apesar do foco para mulheres, todos são bem-vindos no evento. “Teremos uma programação que procura abordar vivências reais dessas mulheres. Todas as siglas são super-bem-vindas”, disse.

A programação contará com rodas de conversa, mesas-redondas, palestras e exposições, além da participação de mulheres lésbicas e bissexuais em uma feirinha criativa, vendendo seus trabalhos artísticos, e de atrações musicais no final do evento.

Programação

16h – Roda de conversa

Tema: Invisibilidade da sigla L na comunidade LGBTQ+

Facilitadora: Sebastiana Silva (Sejusc)

17h – Palestra

Tema: Saúde da mulher lésbica

Convidadas: Dra. Jenifer Melo e Rebeca Jatahy (Psicóloga)

18h – Mesa-redonda

Tema: Precisamos falar sobre relacionamento abusivo entre mulheres

Convidadas: Giselle Menezes (Sejusc), Lorena Barbosa (psicóloga), Jomhara Calixto (psicóloga)

19h – Roda de conversa

Tema: A (R)existência da Mulher Negra Lésbica

Facilitadora: Sebastiana Silva (Sejusc)

20h30 – Shows musicais

Olívia de Moraes e Renata Martins, às 20h30

DJset com Luana Aleixo, às 21h30