Tudo Pelos Ares de olho nas referências

Atração local do Rock in Rio, banda Tudo Pelos Ares mesclará autoral e hinos no rock

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

A banda levará ao palco Rock District um show que mescla seu irreverente som autoral com homenagens a grandes nomes do rock n’ roll (Foto: Divulgação)

Manaus – Em uma apresentação de, aproximadamente, 50 minutos, a banda amazonense Tudo Pelos Ares levará ao palco Rock District, no Rock In Rio 2017, um show que mescla seu irreverente som autoral com homenagens a grandes nomes do rock n’ roll, como Ozzy Osbourne e Fred Mercury. Pelo mesmo palco, passarão artistas como Dinho Ouro Preto, Rogério Flausino e Wilson Sideral, durante os setes dias do festival.

A Tudo Pelos Ares se apresentará no dia 21 deste mês, às 16h. No repertório, estarão canções como ‘Futebol, Samba e Rock n’ Roll’, ‘Quem’, ‘Deixa eu colocar’, ‘Tá do jeito que o diabo gosta’, ‘Insaciável’, ‘Corrida Suja’ e ‘Ouro Negro’, de autoria da banda.

Os músicos interpretarão, também, ‘I want break free’, do Queen; ‘Rock you like a hurricane’, do Scorpions; ‘Iron Man’, do Black Sabath, ‘Highway to hell’, do AC/DC, ‘Run to the hills’, do Iron Maiden, e, ainda, uma versão instrumental de ‘Tic Tic Tac’, da banda amazonense Carrapicho. A música, com arranjos estilizados, foi a escolhida na campanha de divulgação promocional da cidade de Manaus no festival pela referência internacional que alcançou.

“Foram as melhores férias da minha vida e, melhor que isso, vai ser tocar lá, agora, viver uma outra emoção da que tive em 1985! Lembro do show do Iron Maden, quando o Bruce Dickinson bateu a cabeça na guitarra e ainda continuou cantando… Lembro do show do Ozzy, do Scorpions, do AC/DC, eles estavam todos na melhor fase da carreira deles”, conta o vocalista Eduardo Molotievscki.

Já o baterista Rubem Junior relata a impressão que teve com as bandas nacionais. “No primeiro Rock in Rio eu tinha 9 anos e me impressionei, claro, com as bandas internacionais, como Queen, que é uma grande referência musical pra mim. Mas o que marcou mesmo foram os shows do Barão Vermelho, Ultraje a Rigor e Paralamas. Sempre rolou muito rock nacional lá em casa, meu irmão mais velho ouvia e acho que, pelo lance das Diretas Já, naquela época, foi um sentimento de esperança que contagiou as pessoas quando o Cazuza cantou ‘Pro dia nascer feliz’. Isso tá marcado na memória”, conta.

Vencedora do concurso Seleção Pop Rock Manaus, promovido pela Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), a banda Tudo Pelos Ares concorreu com outras 17 atrações locais. Na ocasião, o cantor Paulo Miklos e o produtor musical e um dos diretores do Rock In Rio, Mauro Berman, foram jurados.

Há 23 anos na estrada, a banda Tudo Pelos Ares, atualmente, é formada por Eduardo Molotievscki (vocal e guitarra), Marcelo Lima (vocal e contra-baixo), Marcelo Neves (vocal e guitarra) e Rubem Junior (vocal e bateria).

Manaus no Rock In Rio

Um dos maiores festivais de música do mundo, o Rock In Rio ocorrerá na cidade do Rio de Janeiro, de 15 a 24 de setembro. Além do show da banda amazonense Tudo Pelos Ares, a capital amazonense estará representada na cidade do rock com o estande ‘Manaus – Maloca Urbana’, montado no Rock District e coordenado pela Prefeitura de Manaus, por meio da Manauscult.

O público que passar pelo bairro do rock poderá ter uma experiência diferenciada no espaço, a partir de elementos sensoriais, como som e imagens que rementem à natureza, à capital urbana e a sua gente, em uma área de, aproximadamente, 40 metros quadrados. No local haverá, ainda, uma série de surpresas com brindes e outras atividades gratuitas para o público.