“Tarumã Alive”: Manaus recebe shows musicais em prol do meio ambiente

Conscientização ‘Tarumã Alive’ contará com shows musicais e um mutirão de limpeza, no igarapé Tarumã Açu. Entre os artistas que participam do projeto, no próximo dia 16, estão Márcia Novo e Nunes Filho

Redação/redacao@diaroam.com.br

Manaus – Cultura e esporte se unem em prol do meio ambiente, no dia 16 de dezembro, a partir das 8h, na Marina do Davi, Ponta Negra. Na ocasião, o espaço recebe a segunda edição do ‘Tarumã Alive’, projeto que tem como objetivo conscientizar a população acerca da poluição de rios e igarapés da região metropolitana de Manaus — principalmente em relação ao Tarumã Açu. Desta vez, a iniciativa contará com um mutirão de limpeza, no igarapé, oficinas de esportes aquáticos e uma programação musical. O acesso é gratuito.

Nunes Filho se apresenta no evento em prol do Tarumã (Foto: Divulgação)

De acordo com Jadson Maciel, um dos idealizadores, o projeto é derivado de uma iniciativa já existente há 19 edições, a ‘Remada Ambiental’. “Nela (‘Remada Ambiental’), mensalmente, um grupo de voluntários se reúne para fazer a limpeza de alguns pontos da Marina do Davi e adjacências. Com isso, pensamos em ampliar e incluir esportes e cultura”, disse Jadson. “A proposta principal do ‘Alive’ é conscientizar e envolver as comunidades e os flutuantes (da Marina do Davi), para todos entenderem que precisamos cuidar do meio ambiente”, completou.

No evento do dia 16, haverá uma programação musical com Márcia Novo, Márcio Cigano, Nunes Filho, Alaídenegão e DJ Marquinho Leão, além de oficinas de esportes aquáticos como stand up paddle (SUP), parasail e wakeboard.

Para Márcia Novo, que também é uma das idealizadoras do ‘Tarumã Alive’, a iniciativa é uma forma de valorizar o bem mais precioso do amazonense: a natureza. “Cresci visitando as regiões com rios e igarapés da cidade e, ao longo dos anos, pude perceber o quão prejudicadas essas áreas foram pelo acúmulo de lixo e falta de preservação, entre outros motivos. Por isso, estamos reunidos, novamente, para fazer a diferença”, afirmou a artista.

A primeira edição do projeto ocorreu em novembro do ano passado e contou com, aproximadamente, 150 participantes. Quem deseja se voluntariar e participar do ‘Tarumã Alive’ deve acessar o formulário e fazer sua inscrição através do site oficial. Mais informações podem ser adquiridas pelo telefone (92) 98188-4145.

Importância

Voluntária da ‘Remanda Ambiental’, Yasmin Amaro conheceu o projeto há cerca de um ano e meio e, desde então, sempre está presente em suas ações. Acadêmica de Engenharia Ambiental, ela ressalta a importância das ações realizadas, mensalmente, na Marina do Davi.

“Eu sou da área ambiental e luto por um mundo mais equilibrado. Participo de outros projetos em Manaus e vi mais uma oportunidade de contribuir para uma cidade melhor e atrair outras pessoas para a causa. Os igarapés da região precisam de uma atenção especial da população e, para isso, as pessoas precisam entender como o descarte incorreto dos seus resíduos impacta o meio ambiente”, relatou Yasmin.



SIGA-NOS NAS NOSSAS REDES