Presidente do TCE alerta gestores do AM sobre prazo para prestação de contas

Dia 31 de março é o prazo final para 354 gestores do Amazonas prestarem contas ao tribunal do dinheiro público utilizado em suas administrações durante todo ano de 2017

Álisson Castro / redacao@diarioam.com.br

Manaus – A presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), conselheira Yara Lins, afirmou que pretende dar maior celeridade aos processos em tramitação. A afirmação foi feita durante visita a sede da REDE DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (RDC).

“Para 2018, pretendemos dar celeridades aos processos antigos para que acabem estes processos e fiquem apenas os concomitantes de 2017 e que, assim, os prestadores de contas são tenham problemas de prestar as contas”, disse.

Dia 31 de março é o prazo final para 354 gestores do Amazonas prestarem contas ao tribunal do dinheiro público utilizado em suas administrações durante todo ano de 2017. A prestação de contas anual será recebida até o final do mês somente pela internet, por meio do portal E-Contas.

A presidente do TCE-AM, conselheira Yara Lins, esteve na sede da REDE DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO, nesta segunda-feira (13) (Foto: Reprodução/Record News Manaus)

Quanto aos problemas que ocorrem nas contas, a presidente afirma que o tribunal mantém a Escola de Contas que pode ser utilizada pelos prestadores. “É uma formas das pessoas apreenderem como se faz as prestação de contas. O que acontece no interior é uma falta de continuidade da equipe porque cada prefeito que entra muda a equipe, que já está treinada”, afirmou.

Para alertar os gestores sobre a entrega da prestação no prazo e evitar outras penalidades, a presidente está percorrendo os veículos de comunicação.