Wilson Lima protocola documento para transição e anuncia mais quatro nomes

Petrúcio Pereira de Magalhães Júnior, Acram Ísper Júnior, Rodemarck de Castello Branco e Thomaz Meirelles irão compor as subcomissões de transição do governador eleito neste domingo (28)

Manaus – O governador eleito Wilson Lima protocolou, na tarde desta quarta-feira (31), o documento de formação da Comissão de Transição, na Casa Civil do governo do Amazonas. O reconhecimento do documento deve ser feito pelo atual governador Amazonino Mendes até o início da próxima semana, para que se iniciem os trabalhos de transição entre as equipes.

Nesta terça-feira (30), Wilson Lima anunciou o vice-governador, Carlos Alberto; o deputado Luiz Castro; além de Humberto Laudares; o general Franklimberg Ribeiro de Freitas; Gabriel Chalita e David Uip como integrantes de sua comissão.

O governador eleito protocolou documento de transição nesta quarta-feira (30) (Foto: Jimmy Geber)

Ainda nesta quarta, foram anunciados novos nomes que irão como as subcomissões. Entre eles está Petrúcio Pereira de Magalhães Júnior, ex-presidente das Cooperativas do Estado do Amazonas (OCB-AM); Acram Ísper Júnior, mestre em Direito Constitucional e com atuação em Direito Público; Rodemarck de Castello Branco, economista e mestre em Economia de Empresas e consultor no Polo Industrial de Manaus e Thomaz Meirelles, ex-superintendente da Companhia Nacional de Abastecimento.

Os novos anunciados são voluntários que contribuirão sem ônus para o Estado durante o período de funcionamento da comissão de transição que vai atuar até o final do ano para diagnosticar a situação do Estado, preparando os atos de iniciativa do novo governador, a serem editados, imediatamente, após a posse que ocorre institucionalmente no dia 1° de janeiro de 2019.