‘Paty Bumbum’ é presa pela segunda vez no Rio

Ela é suspeita de aplicar silicone industrial em pacientes, o que configura crime contra a saúde pública. Patrícia Silva dos Santos já havia sido detida no último dia 25

Agência Brasil / redacao@diarioam.com.br

Rio de Janeiro – A massoterapeuta Patrícia Silva dos Santos, conhecida como Paty Bumbum, foi presa nesta segunda-feira (6) por policiais da 42ª DP, do Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro. Ela é suspeita de aplicar silicone industrial em pacientes, o que configura crime contra a saúde pública.

Patrícia Silva dos Santos, conhecida como Paty Bumbum, foi presa nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro (Foto: Reprodução/TV Globo)

Patrícia já havia sido detida no último dia 25 por exercício ilegal da profissão, já que se apresenta como médica mesmo sem formação em medicina, e respondia em liberdade.

No entanto, diante de novas denúncias de testemunhas, a falsa médica foi presa novamente. Desta vez por 30 dias.

Ela é acusada de realizar procedimentos estéticos irregulares em sua casa, em Curicica, na região de Jacarepaguá.

A polícia investiga ainda o envolvimento de Patrícia com a também massoterapeuta Valéria dos Santos, apontada como sua sócia. Valéria é investigada pela morte da modelo Mayara dos Santos após aplicação de silicone industrial nos glúteos. Segundo a polícia, ela é considerada foragida.