Acelerador linear será entregue à FCecon no 1º semestre, diz ministério

Com o aparelho, será ampliado o atendimento de radioterapia no Estado, o que irá permitir um melhor tratamento oncológico aos pacientes

Manaus  – O Ministério da Saúde (MS) prometeu entregar, no primeiro semestre de 2018, o primeiro acelerador linear do Estado, pertencente ao Plano de Expansão da Radioterapia. De acordo com o MS, a obra do bunker do hospital da Fundação Centro de Controle de Oncologia (FCecon) – espaço destinado para a instalação do aparelho – já está 80% concluída.  Ao todo, serão investidos, segundo o MS, mais de R$ 4,7 milhões na compra do equipamento e construção do local adequado. Com o aparelho, será ampliado o atendimento de radioterapia no Estado, o que irá permitir um melhor tratamento oncológico aos pacientes.

Bunker para receber o aparelho está 80% concluído, diz o ministério (Foto:Jair Araújo/Arquivo)

Segundo o MS, o projeto está sendo executado dentro das atividades previstas do Plano de Expansão da Radioterapia, visto que os aceleradores lineares são equipamentos de altíssima complexidade tecnológica e não podem ser instalados sem os devidos cuidados com a proteção radiológica.

Anúncio