Ageman notifica concessionária por falta de aviso sobre desabastecimento de água no Santo Antônio

O vazamento foi identificado pela concessionária na manhã de terça-feira (10), e os trabalhos corretivos se prolongaram até a tarde desta quarta-feira

Manaus – A Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman) notificou na manhã desta quarta-feira (11) a concessionária Águas de Manaus pela ausência de comunicação aos usuários sobre o desabastecimento de água ocasionado pelo vazamento da adutora de 500 milímetros da Rua Raul de Azevêdo, no bairro Santo Antônio, zona oeste da cidade.

Os moradores do bairro de Santo Antônio somente tomaram conhecimento dos motivos da falta d’água quando avistaram o buraco aberto pela concessionária para conter o vazamento (Foto: Divulgação/Ageman)

O vazamento foi identificado pela concessionária na manhã de terça-feira (10), e os trabalhos corretivos se prolongaram até a tarde desta quarta-feira. No entanto, a empresa, conforme registros da Ouvidoria da Ageman, não comunicou amplamente o problema aos usuários dos bairros e comunidades afetadas com o desabastecimento.

No bairro de Santo Antônio, os moradores somente tomaram conhecimento dos motivos da falta d’água quando avistaram as máquinas nas ruas e o buraco aberto pela concessionária para conter o vazamento.

O presidente da Ageman, Fábio Alho, destaca que o Contrato de Concessão dos serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário, celebrado entre a Prefeitura de Manaus e a empresa Águas de Manaus, e seus respectivos aditivos, determina que é obrigação da concessionária promover amplo aviso prévio e medidas mitigadoras no sentido de reduzir os impactos da falta da prestação do serviço junto aos usuários.

“Identificamos que o reparo dessa adutora se prolongou por mais tempo do que se esperava e o usuário não foi devidamente informado pela empresa sobre os prazos de restabelecimento do serviço ou de eventuais medidas tomadas. Recebemos em nossa ouvidoria e nos nossos canais de comunicação diversas reclamações e com a nossa cidade enfrentando dias muito quentes tudo se agravou. Estamos notificando a concessionária para que ela nos explique as providências tomadas em relação aos fatos denunciados pelos usuários e constados pela agência”, afirmou Fábio.

Conforme a notificação, a empresa tem um prazo de dez dias para esclarecer os fatos junto à Ageman.

Ponta Negra

Além do problema ocorrido no bairro Santo Antônio, a equipe da Ageman também acompanhou o reparo feito na rede de 150 milímetros na avenida Coronel Teixeira, na Ponta Negra, e que apresentou vazamento ainda na terça-feira. O serviço foi concluído na tarde de ontem e o fornecimento de água tratada para as áreas adjacentes já foi normalizado.

Nota

Em nota, a Águas de Manaus informou que, desde a manhã desta terça-feira (10), vem comunicando a população sobre o abastecimento prejudicado na zona oeste, por meio de publicações em redes sociais, veículos de imprensa e site institucional da concessionária. Além disso, a concessionária disse que se manteve à disposição da Ageman para esclarecimentos sobre os serviços no local, incluindo o acompanhamento de técnicos da agência nos locais das obras.

***Matéria atualizada às 10h56, do dia 12 de setembro, para acréscimo de informação