Alunos realizam ‘manutenção solidária’ em Centro de Convivência de Manaus

Atividade é realizada pelos alunos do curso técnico de informática do Senac AM que fazem manutenção preventiva e corretiva de equipamentos de informática 

Manaus – Os alunos do curso técnico de informática (turma 63) realizam, na manhã deste sábado (21), a segunda parte do projeto “Manutenção Solidária” no Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignola, situado na rua Gandú, 119, Cidade Nova, zona norte de Manaus. A atividade faz parte do projeto de finalização do curso e foi dividido em duas etapas, uma delas concluída no dia 7 de novembro.

De acordo com o professor Jaime Kenji Handa, responsável pela turma, a ideia do projeto integrador busca demonstrar ao aluno a melhor vivência profissional e pessoal do lado de fora da instituição, para tirá-los da zona de conforto. Na ação, os futuros técnicos cumprem atividades de verificação do hardaware, manutenção preventiva e corretiva, laudo dos equipamentos e consultoria em suporte e manutenção de computadores.

“A proposta é levar eles (alunos) para encarar de forma prática um cenário real. E, nessa época de pandemia, tornou-se ainda mais desafiador realizar essa atividade. Assim, visando o lado empreendedor dos alunos os mesmos buscaram o estabelecimento para cumprir o desafio nesta pandemia”, disse Handa.

(Foto: Divulgação)

Para o aluno Thiago Tavares, o formato que o Senac propôs à turma, unindo teoria e pratica, é muito interessante e permite que os futuros técnicos da área tenham mais propriedade quando estiverem em atuação no mercado de trabalho.

“Com as aprendizagens das aulas no Senac, teórica e prática, conseguimos ter uma boa preparação para realizar as manutenções nas máquinas disponibilizadas. Quero agradecer ao prof. Jaime que nos apoiou com esse desafio e experiência e ao Senac que nos proporcionou todos os conhecimentos adquiridos no curso técnico de informática”, disse Tavares que participou da primeira parte do projeto.

O também aluno Islan Felipe, reforça que o cenário pandêmico faz com que os cuidados com a saúde da equipe e dos clientes (os colaboradores do Centro de Convivência) sejam redobrados e essa questão, daqui para frente, será muito importante e, até, um diferencial no atendimento ao público.

“O projeto é externo, então, o cuidado é maior, na hora da limpeza, no manuseamento dos computadores e das ferramentas que usamos. Tem sido uma ótima experiência, pois estamos atuando como profissionais e não como alunos. E isso agrega muito no crescimento profissional, pois, não é fácil sair da zona de conforto”, disse Felipe.

(Foto: Divulgação)

A ação 

Neste sábado (21) será realizada a segunda etapa do Projeto Integrador da turma 63 – Técnico em Informática no Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola. A proposta busca estabelecer, ainda, parceria a ser expandida para os outros centros, assim como, a manutenção solidária em comunidades.

Paralelamente, também será realizada Manutenção Solidária de computadores do público externo no Centro de Informática até o dia 27 de novembro, das 18h às 21h30, mediante agendamento pelo telefone (92) 98196-1812. O centro fica localizado na Avenida Darcy Vargas, 288, Chapada. Os interessados devem doar um quilo de alimento não-perecível que será usado em ações sociais do Senac.

Anúncio