Amadeu Teixeira, referência do futebol amazonense, morre aos 91 anos

Amadeu Teixeira é considerado o treinador que mais ficou a frente de um time de futebol no mundo. Ele teve falência múltipla dos órgãos, na noite desta terça-feira

Manaus – Morreu, aos 91 anos, o fundador e ex-técnico do América-AM, Amadeu Teixeira. A personalidade do futebol amazonense estava internada desde o dia 6 de setembro deste ano, em um hospital particular, no bairro Parque das Laranjeiras, zona centro-sul da capital, conforme informações da neta Bruna Parente.

Morre Amadeu Teixeira aos 91 anos (Foto: Danilo Mello/Acervo-DA)

A família foi comunicada da morte pela direção do hospital, por volta das 21h40 desta terça-feira (7).

Amadeu Teixeira teve falência múltipla dos órgãos. No dia 10 de setembro, Amadeu Teixeira precisou ser internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), após ser submetido a uma drenagem no pulmão.

Além de referência no esporte amazonense, Amadeu Teixeira é considerado o treinador que mais ficou a frente de um time de futebol no mundo. O ícone fundou e comandou por 53 anos, o time do América-AM.

Amadeu Teixeira Alves iniciu sua trajetória no América Futebol Clube em 1955, na época em que o futebol amazonense não estava profissionalizado.

Até a publicação desta matéria, o local do velório de Amadeu Teixeira não tinha sido divulgado.

Anúncio