Capitania Fluvial notifica e apreende quatro balsas no Porto do Ceasa por irregularidades

Ainda segundo a Marinha, as embarcações ficarão proibidas de navegar até que as irregularidades, consideradas de caráter emergencial, sejam sanadas por seus proprietários

Segundo a Marinha do Brasil, as embarcações realizam o transporte de carga e passageiros da capital amazonense ao município de Careiro da Várzea (Foto: Raimundo Valentim/Arquivo)

Manaus – A Marinha do Brasil informou que, por intermédio da Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental (CFAOC), notificou e apreendeu, ontem e na última quarta-feira (18), quatro balsas no Porto da Ceasa, na zona leste de Manaus. Segundo a Marinha do Brasil, as embarcações realizam o transporte de carga e passageiros da capital amazonense ao município de Careiro da Várzea (município localizado a 25 quilômetros a leste de Manaus).

De acordo com a Marinha, durante a Inspeção Naval realizada pelos militares, foram constatados diversos itens que afetam a segurança da navegação, a salvaguarda da vida humana e a prevenção da poluição hídrica, tais como: vazamento de água pelo eixo propulsor, vazamento de óleo e gases nos motores, bomba de incêndio inoperante, extintores vencidos e falta de coletes salva-vidas.

Ainda segundo a Marinha, as embarcações ficarão proibidas de navegar até que as irregularidades, consideradas de caráter emergencial, sejam sanadas por seus proprietários.

A Marinha do Brasil alerta a população que denúncias de irregularidades em embarcações podem ser feitas pelo telefone (92) 99302-5040.

Anúncio