Cartórios do AM registraram oito mortes de crianças por Covid-19 desde o início da pandemia

Crianças de 10 e 11 anos foram as que mais vieram a óbito em razão do novo coronavírus

Manaus – Com vacinação recentemente aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), as crianças amazonenses entre 5 e 11 anos totalizaram oito falecimentos por Covid-19 desde o início da pandemia. Este foi o número de óbitos para esta faixa etária registrados pelos Cartórios de Registro Civil do Amazonas no período de março de 2020 à primeira semana de janeiro de 2022. O levantamento aponta que duas crianças morreram com 11 anos, duas com 10, uma com 8, uma com 7, uma com 6 e uma com 5 anos.

Os dados contabilizados fazem parte do Portal da Transparência do Registro Civil, base de dados que reúne as informações de nascimentos, casamentos e óbitos registrados pelos 7.663 Cartórios brasileiros -, e que é administrada pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil).

(Foto: Altemar Alcantara / Semcom)

O ano de 2021 foi aquele que registrou o maior número de mortes cuja causa mortis consta como Covid-19 (5), enquanto que em 2020 foram 3. Na primeira semana de janeiro de 2022 não foram contabilizados óbitos por Covid-19 de crianças entre 5 e 11 anos, embora os Cartórios de Registro Civil tenham o prazo legal de até 10 dias para enviar os dados ao Portal da Transparência do Registro Civil.

“O Portal da Transparência do Registro Civil segue sendo fonte de informações que auxiliam o Poder Público a mensurar o atual cenário da pandemia no nosso país. Tanto os dados locais quanto os nacionais mostram que a atenção às crianças deve ser reforçada, para que esse público não seja ainda mais afetado”, disse o diretor de Registro Civil da Associação dos Notários e Registradores do Estado do Amazonas (Anoreg/AM), Leonam Portela, que também é presidente da Associação dos Registradores Civis de Pessoas Naturais do Estado do Amazonas (Arpen/AM).

Contabilizando-se todas as mortes por causas naturais no Amazonas, a faixa etária entre 5 e 11 anos registrou 162 óbitos, sendo 79 em 2020 e 83 em 2021 — sem lançamentos de óbitos na primeira semana de janeiro de 2022. Dentre as causas de mortes segmentadas pelo Portal, Septicemia foi a causa de 28 mortes, AVC (23), Pneumonia (18), Insuficiência Respiratória (9) e Covid-19 (8). Importante constatar que os Demais Óbitos, que reúnem várias doenças não segmentadas no Portal, totalizaram 62 mortes.

Já no Brasil, as crianças entre 5 e 11 anos totalizaram 324 falecimentos por Covid-19 desde o início da pandemia. Entre os Estados brasileiros, São Paulo, estado mais populoso do país respondeu percentualmente por 22,8% dos óbitos de crianças nesta faixa etária, seguido por Bahia (9,3%), Ceará (6,8%), Minas Gerais (6,5%), Paraná (6,2%), Rio de Janeiro (5,9%) e Rio Grande do Sul (4%). Amapá, Mato Grosso e Tocantins foram as unidades que registraram o menor número de óbitos na faixa etária.

Sobre a Anoreg/AM

Fundada no dia 27 do mês de abril de 1999, com sede na cidade de Manaus, a Associação dos Notários e Registradores do Estado do Amazonas (Anoreg-AM), é regida pelo Código Civil brasileiro, pelas demais disposições legais aplicáveis e pelo Estatuto. A Anoreg-AM é a única entidade da classe com legitimidade, reconhecida pelos poderes constituídos, para representar os titulares de serviços notariais e de registro do Amazonas, operando em harmonia e cooperação direta com outras associações congêneres, principalmente com as Anoregs estaduais e Sindicatos, representativos das especialidades.

 

Anúncio