Casos confirmados de Covid-19 no Amazonas chegam a 128.851

Nesta quarta-feira (16) foram registrados 701 novos casos da doença e mais 7 mortes por Covid, segundo boletim da FVS

Manaus – O Boletim Diário Covid-19 da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), edição nº 168, divulgado nesta quarta-feira (16), confirma o registro de 701 novos casos confirmados de Covid-19, totalizando 128.851 casos da doença no estado. O número de pessoas recuperadas da doença é de 109.311.

Conforme boletim da FVS, Amazonas tem 274 pacientes internados, entre infectados e com suspeita de Covid-19 (Foto: Acácio Pinheiro / Agência Brasil)

Conforme o boletim, foram confirmados sete óbitos por Covid-19 ocorridos nas últimas 24 horas, e quatro por confirmação diagnóstica na data de hoje, elevando para 3.920 o total de mortes. Na capital, de acordo com dados da Prefeitura de Manaus, na terça-feira (15), foram registrados 36 sepultamentos, quatro óbitos em domicílio e duas cremações. O boletim acrescenta ainda que 15.620 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão sendo acompanhadas, o que corresponde a 12% dos casos confirmados ativos.

Internações

Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 274 pacientes internados, sendo 184 em leitos clínicos (60 na rede privada e 124 na rede pública) e 90 em UTI (49 na rede privada e 41 na rede pública). Há ainda outros 60 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico.

Notificação

A consolidação dos casos notificados no Amazonas é realizada pela FVS-AM a partir de informações obtidas em três sistemas: e-SUS Notifica, Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (Sivep-Gripe) e o Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL), até as 10h de cada dia. Em Manaus, foram notificados 139.643 casos, enquanto no interior do estado, o número chega a 177.742.

As notificações são realizadas pelas vigilâncias epidemiológicas dos municípios, por meio de sistema de informação de saúde, e repassadas para a FVS-AM, que consolida os dados. Os casos notificados são confirmados ou descartados, futuramente, por exame laboratorial ou testes rápidos.

Anúncio