Cerca de 150 quilos de pescado irregular são apreendidos em Manaus

No estabelecimento, foram encontrados frutos do mar, como caranguejo, camarão, crustáceos, lagosta e polvo, em embalagens de rotulagem inadequada

Manaus- Aproximadamente 150 quilos de pescado exposto para venda, sem selo de inspeção e registro da  Vigilância Sanitária (Visa Manaus),  foram apreendidos nesta quarta-feira (29), em um estabelecimento da zona centro-sul de Manaus.

(Foto: Divulgação / Semsa)

“A ação de hoje foi motivada por uma denúncia que contou com  o apoio da Visa Manaus para que o local pudesse ser inspecionado dentro das competências específicas de cada órgão”, explicou o diretor da Visa Manaus, Ewerton Wanderley.

No estabelecimento, foram encontrados frutos do mar, como caranguejo, camarão, crustáceos, lagosta e polvo, em embalagens de rotulagem inadequada, nas quais não constava qualquer identificação relativa à origem dos produtos ou certificações de inspeção sanitária, elementos que garantem a segurança do consumidor, como informa Ewerton.

“A ausência de certificação sanitária em alimentos representa um perigo potencial para o público, que fica sem a garantia de que a manipulação prévia do alimento e seu processo de embalo ocorreram em condições adequadas, livres de contaminação”, afirma o diretor da Visa Manaus.

Os alimentos apreendidos foram encaminhados para o Aterro Sanitário Municipal para o descarte adequado.

Pelas infrações, o estabelecimento irá responder a Processo Administrativo Sanitário, que pode resultar em multa de 1 a 400 Unidades Fiscais do Município (UFM), sem prejuízo de outras sanções administrativas. O valor unitário atual da UFM é de R$ R$ 134,77.

A população pode denunciar irregularidades sanitárias relativas a produtos e serviços por meio da Ouvidoria da Visa Manaus, no número (92) 98842-8481, ou pelo e-mail.

Anúncio