Em meio à pandemia, Estado gasta mais de R$ 2 milhões com árvore de Natal

Três empresas foram contratadas pelo governo do Amazonas, a Ac Entretenimento e Produção Eireli, Cenart Produções e Serviços Cenográficos Eireli e Ecoarte Estrutura e Produção Ltda

Manaus – O Governo do Amazonas, por meio da Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC), dispensou procedimento licitatório, utilizando a Lei de Calamidade Pública e gastou mais de R$ 2 milhões com uma árvore de Natal instalada em frente ao Teatro Amazonas, no Largo de São Sebastião, Centro de Manaus.

A portaria considera que o artigo 24, iv, da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, “preceitua ser dispensável a licitação nos casos de emergência ou de calamidade pública e que os preços constantes da proposta apresentada pelas empresas estão compatíveis com os preços praticados no mercado”.

Árvore será acesa simbolicamente e para evitar aglomeração, não haverá apresentações no lugar (Foto: Anamaria Leventi/ Divulgação)

A decisão, assinada por Edval Machado Júnior, presidente de Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural, foi publicado no Diário Oficial do Estado no último dia 4 de deste mês.

Segundo a publicação, foram três empresas contratadas pelo governo do Amazonas, a Ac Entretenimento e Produção Eireli, Cenart Produções e Serviços Cenográficos Eireli e Ecoarte Estrutura e Produção Ltda., para manutenção, montagem e desmontagem de árvore de Natal; produção artística, incluindo material, serviços de operacionalização de eventos e de direção técnica, com alimentação e logística.

Gastos em meio à pandemia

Desde o início do ano, o estado do Amazonas luta contra a proliferação do novo coronavírus que já fez 4.978 vítimas amazonenses.

Por causa da pandemia da Covid-19, buscando seguir as recomendações do Ministério da Saúde, a Secretaria de Estado de Cultura, informou que a tradicional árvore de Natal do Largo de São Sebastião no centro de Manaus será inaugurada no dia 12 de dezembro, às 18h.

A árvore será acesa simbolicamente e para evitar aglomeração, não haverá apresentações ou programação artística no lugar.

Anúncio