Escritório de madeireira desaba após rompimento de adutora na zona leste de Manaus

Uma tubulação de 400mm, que corta toda a via, não aguentou a pressão e rompeu, causando um vazamento

Manaus – Uma adutora rompeu no início da manhã desta segunda-feira (15), na Avenida Brigadeiro Hilario Gurjão, Bairro Jorge Teixeira, zona leste. Com a forte pressão da água, um escritório de uma madeireira ficou com a estrutura comprometida e vai precisar ser demolido. A concessionária  Águas de Manaus foi ao local para fazer reparos e o reabastecimento do fornecimento deve ocorrer ainda nesta segunda-feira (15).

Escritório desabou parcialmente após o rompimento da adutora (Foto: Marcos Lima / GDC)

O Diretor de Departamento Operacional Defesa Civil, Major Falcão, disse que uma tubulação de 400mm, que corta toda a via, não aguentou a pressão e rompeu, causando um vazamento. A pressão da água fez com que um escritório de uma madeireira, que fica ao lado de um igarapé, tivesse sua estrutura comprometida e um desabamento parcial.

“Esse escritório vai ter que ser demolido e depois vamos avaliar a estrutura para saber o que pode ser feito é se a madeireira também vai ser afetada. No momento vamos isolar e interditar o local para evitar maiores acidentes”, disse o Major Falcão.

A concessionária Águas de Manaus esteve no local para fazer o reparo na adutora é interditou parte da via. O trânsito teve que ser desviado. O abastecimento de água deve ser normalizado ainda nesta segunda-feira.

Nota

Por meio de nota “A Águas de Manaus informa que concluiu por volta das 15h a manutenção na rede de 400 milímetros que apresentou vazamento na rua 3, bairro Jorge Teixeira. O reaterro do local está em andamento e o asfaltamento será realizado até amanhã de manhã.

A empresa destaca que, tão logo foi acionada, deslocou uma equipe técnica e uma equipe de sinistros para atuar no local. A situação foi acompanhada pela Defesa Civil Municipal para avaliar eventuais danos na área.”

Anúncio