Família retoma os estudos por melhores condições de vida

Ao contrário do que muitos pensam, voltar a estudar é possível, mesmo que tenham se passado anos desde a última ida à sala de aula

Manaus – Ao contrário do que muitos pensam, voltar a estudar é possível, mesmo que tenham se passado anos desde a última ida à sala de aula. Nessa hora, contar com o apoio de quem amamos é essencial. E, como nesta quarta-feira (15) comemora-se o Dia Internacional da Família, os Rocha contam que a motivação entre eles foi essencial para retomar os estudos por melhores condições de vida.

“Por conta do trabalho, dos filhos e a correria do dia a dia, eu e a minha esposa Cláudia acabamos não concluindo o ensino fundamental e, com o passar dos anos, passamos a sentir necessidade de melhorar a nossa condição de vida, aumentar o salário. Nessa época, eu trabalhava como mototaxista e apontador de obras e ela como diarista”, disse o universitário e assistente de logística, André Rocha, 48.

Encontrar o equilíbrio entre o trabalho e os estudos foi um dos maiores desafios para a família voltar para a sala de aula (Foto: Divulgação)

A técnica de enfermagem Cláudia Rocha, 45, conta que, como a maioria dos empregos exige o ensino médio completo, eles decidiram voltar para concluir os estudos no Centro de Ensino Literatus. “Após tantos anos afastada da sala de aula, tive receio de não dar conta do conteúdo, mas com o meu esposo me incentivando acabei me matriculando também”, comentou. Motivados, os filhos Midian, 23, e Wenderson, 20, também se matricularam no Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Encontrar o equilíbrio entre o trabalho e os estudos foi um dos maiores desafios para a família voltar para a sala de aula. Entretanto, a rotina da EJA permite que o aluno consiga recuperar o tempo perdido aliando as aulas ao seu dia a dia, já que cada disciplina tem duração de até cinco dias.

E hoje, André já cursa a faculdade de Logística, enquanto Cláudia se prepara para iniciar uma especialização em Técnico em Enfermagem do Trabalho. “Já atuo na área, minha filha está concluindo o Técnico em Enfermagem e André quer começar a empreender na área de Logística, faltando dois períodos para concluir a faculdade”, revela Cláudia.

EJA

No Centro de Ensino Literatus, o investimento na EJA é a partir de R$ 55,00 por disciplina, com material incluso. A Instituição também oferece a modalidade através do programa In Company, possibilitando que as organizações possam investir na formação educacional de seus colaboradores.

No Ensino Fundamental, o aluno realiza oito disciplinas: matemática, artes, inglês, educação física, português, geografia, história e ciências. Já no Ensino Médio, são doze disciplinas: matemática, filosofia, português, sociologia, história, inglês ou espanhol, além de geografia, química, educação física, biologia, artes e física.

Os interessados podem efetuar a matrícula na unidade do Centro de Ensino Literatus localizada à Rua Pará, n° 165 – Vieiralves. Para mais informações, basta entrar em contato através dos telefones: (92) 3305-2271 / 9 9136-1230.