Familiares de jovem assassinada com mais de 30 facadas realizam protesto em Manaus

Protesto aconteceu na tarde desta terça-feira (6), no Largo São Sebastião, no centro da cidade, para cobrar agilidade na investigação do caso

Manaus – Familiares da jovem Emillaine de Souza Souza, 19, assassinada com mais de trinta facadas, no último dia 29 de setembro, realizaram um protesto na tarde desta terça-feira (6), para cobrar agilidade na investigação do caso. O ato aconteceu no Largo São Sebastião, no centro de Manaus.

O protesto foi marcado por comoção, segundo a tia da vítima, Regiane Guimarães, o momento também foi dedicado para fazer uma oração por Emillaine.

“Nesse momento nós estamos aqui reunido em oração pela minha sobrinha que foi retirada no seio familiar de forma brutal. Também estamos clamando por justiça, por agilidade, para que se encontre os verdadeiros culpados pelo crime”, explicou a tia emocianada.

Familiares da jovem morta com mais de trinta facadas, no último dia 29 de setembro, realizaram um protesto na tarde desta terça-feira (6), para cobrar agilidade na investigação do caso (Foto: Divulgação / Nainy Castelo Branco)

A família luta para que o crime bárbaro não seja esquecido e que o suspeito do crime seja identificado e punido.

“ Nosso maior medo é que isso seja esquecido, essa é nossa luta. Hoje me encontro aqui clamando por justiça, por um membro da minha família. Perder um filho é muito difícil, mas retirar de forma brutal um familiar do seu seio famíliar é mais sofrido ainda”, destacou Regiane.

A polícia civil do Amazonas informou que, as diligências em torno do caso seguem em andamento, e que mais informações não podem ser repassadas, para não atrapalhar os trabalhos polícias.

Anúncio