Gestão David Almeida vai gastar milhões para combater pragas

Empresas ofereceram até R$ 73,9 milhões pelos cinco lotes nos imóveis municipais

Manaus – A gestão do prefeito David Almeida poderá gastar até R$ 73,9 milhões em licitação para controle de pragas, como ratos, baratas e formigas em imóveis municipais. Esse é um dos valores do serviço proposto por uma das 13 empresas participantes pelos cinco lotes do pregão de uma área total de 7.405 milhões de metros quadrados, equivalente a 897 campos de futebol, cujo custo ficariam em quase R$ 10 por metro quadrado, a contar o maior preço.

(Foto: Divulgação / Semcom)

Segundo dados do Portal da Transparência da Prefeitura, a licitação está em processo de negociação e ainda não foi anunciado o ganhador do certame nem os nomes das empresas que apresentaram as propostas na concorrência. A empresa que ofereceu o menor valor ainda será analisada pelo pregoeiro e promete cumprir os serviços nos cinco lotes pelo valor de R$ 5,169 milhões.

O processo licitatório que está em andamento foi lançado pela Casa Civil sob o argumento de que a contratação tem como finalidade “evitar a infestação e a proliferação de cupins, baratas, formigas, mosquitos, insetos, ratos, e outras pragas, bem como promover a repelência a morcegos e pombos, dentre outras espécies que possam vir a oferecer riscos à saúde”.

Os serviços contra as pragas que viraram sucesso na música dos Titãs devem envolver a aplicação de iscas raticidas anticoagulantes em pontos focais e das edificações, desalojar os morcegos dos forros e dos tetos dos prédios, além da aplicação de substância repelente de pombos, entre outras medidas.

Ainda de acordo com o termo de referência do edital, o serviço “inclui caixas de esgoto e áreas de jardim, no edifício sede e anexos dos órgãos e entidades da administração pública direta e indireta da Prefeitura de Manaus, participantes do Registro de Preços, com disponibilização de mão de obra, materiais, equipamentos e insumos necessários”.

Anúncio