Gestão David já homologou contrato de R$ 34,4 milhões para cremação de humanos

Para a cremação dos animais de estimação, a empresa venceu o pregão com um preço bem maior do que o oferecido pela concorrente

Manaus – Após finalizar licitação que beneficiou empresa com preço 50% mais caro do que a concorrente para crematório de animais de estimação, que totalizou R$ 15,5 milhões, a Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp),  homologou um pregão de R$ 34,4 milhões também com a Amazon RM Serviços de Crematório Ltda., para cremação de cadáver humano. O despacho da homologação foi publicado no Diário Oficial do Município (DOM) do último dia 14 de março.

(Foto: Montagem / D24am)

A prestação do serviço de cremação de cadáver humano por parte da Prefeitura de Manaus começou a ser realizada durante a pandemia do coronavírus, em 2020. A Amazon foi criada em maio daquele ano.

No projeto básico constante na documentação do pregão eletrônico, a Semulsp afirma que a contratação do serviço de cremação é necessária para aumentar a vida útil dos cemitérios de Manaus. Confira o Histórico do Pregão.

Já para a cremação dos animais de estimação, o histórico no site da CML aponta que a Amazon venceu o pregão com um preço bem maior do que o oferecido pela empresa Cemitério Parque Recanto da Paz, de R$ 1.400 por serviço, o que daria um total de R$ 10,5 milhões pelo contrato.

A empresa que apresentou proposta acima de outro concorrente é a Amazon Crematório Pet irá prestar serviços de remoção e cremação de 7.500 animais com valor unitário de cada serviço por R$ 2.075,00.

A diferença é de 50% no valor total, mas de acordo com a CML, a Recanto da Paz foi inabilitada por enviar arquivos pelo sistema Compras Manaus, descumprindo item do Edital.

Anúncio