Greenpeace lamenta morte de sueca após queda de avião no AM

A vítima era membro da organização e morreu após a aeronave cair no Arquipélago de Anavilhanas, nas proximidades de Novo Airão. Quatro pessoas sobreviveram

Manaus – O Greenpeace Brasil lamentou, por meio de nota, a confirmação do acidente com a aeronave Cessna Caravan 208, de prefixo PR-MPE, do Greenpeace Brasil, que ocasionou na morte da sueca Carolina Josefina Nyberg Steiser, de 29 anos.

Sueca morreu após a queda de um avião, em Novo Airão (Foto: Reprodução/Instagram)

O avião estava sobrevoando o Arquipélago de Anavilhanas, nas proximidades de Novo Airão (a 115 quilômetros a noroeste de Manaus). Estavam também no avião o piloto e outros três funcionários brasileiros da organização, que sobreviveram.

Os sobreviventes receberam atendimento médico e passam bem, segundo a ONG, que acrescentou que está à disposição das autoridades para colaborar com as investigações sobre as causas do acidente. “Não há palavras para descrever a profunda tristeza que sentimos neste momento”, lamentou a organização, por meio de nota.

Anúncio